• Diretor de Redação Ulysses Serra Netto
  • MS Record
  • Rede Record
Miranda

Mãe e filha são feitas reféns

Pai mantinha filha e neta em cárcere privado

(Foto: Divulgação)

Um homem manteve a filha e a neta, de sete meses, sem liberdade em uma fazenda de Miranda. De acordo com a Polícia Civil daquele município, o pai da vítima está sendo acusado de sequestro, cárcere privado e porte ilegal de arma de fogo. Mãe e filha residem em Campo Grande, segundo informações da polícia.

Conforme as informações, o boletim de ocorrência foi registrado pelo marido da vítima, na Primeira Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher, em Campo Grande, que entrou em contato com a delegacia de Miranda.

De acordo com o delegado, o marido informou que a mulher havia sido levada por conhecidos do pai dela para uma fazenda localizada a 60 km de Miranda, onde estava sendo mantida em cárcere privado.  

Conforme as informações, a vítima confirmou versão do marido. Segundo ela, o pai já havia sido preso várias vezes e seria uma pessoa agressiva. Pelo relato, o pai da vítima a ameaçava com uma arma de fogo dizendo que se ela fosse embora iria matar ela e o marido.  

Além da mulher e da criança, polícia encontrou, no local do cárcere um revólver 357, 16 munições intactas e um saco com várias munições já usadas. Segundo a polícia, o homem foi preso e autuado em flagrante. O acusado já tinha diversas passagens por crimes de violência doméstica, porte ilegal de arma de fogo e estupro de vulnerável. 

(Com informações O Pantaneiro)     

Veja Também