• Diretor de Redação Ulysses Serra Netto
  • MS Record
  • Rede Record

Acusado de matar secretário pode ter tido surto

Rapaz que esfaqueou secretário municipal de Dourados tem esquizofrenia e abandonou tratamento

 O principal suspeito pelo assassinato do secretário de Agricultura Familiar de Dourados, Alceu Junior Silva Bittencourt, 36, pode ter sofrido surto esquizofrênico antes de esfaquear duas vezes a vítima. As informações são do delegado do SIG (Setor de Investigações Gerais), Rodolfo Daltro, que investiga o caso. Também foi descartado que a briga entre os dois tenha sido motivada pelo não uso de máscara pelo acusado. 

O rapaz identificado como Fernando sofre da doença e há algum tempo parou de tomar a medicação, começando o uso de bebidas alcoólicas e entorpecentes, principalmente maconha. 

Ainda segundo o delegado, os dois trabalhavam juntos no salão localizado no bairro Izidro Pedroso e o suspeito resolveu montar o próprio negócio, quando Junior teria o chamado para permanecer no comércio. 

Fernando então teria pedido a ele sociedade no estabelecimento, oferecendo R$ 10 mil como pagamento de sua parte, porém, ainda não há confirmação do que teria motivado a briga entre ambos. 

A polícia ainda apura se o suspeito teria sido demitido, já que no depoimento ele ainda se encontrava bastante alterado. Ainda nesta segunda (6) ele deve ser encaminhado à PED (Penitenciária Estadual de Dourados). 

O rapaz foi preso na noite de ontem (5/7) em uma barreira sanitária localizada na avenida Presidente Vargas. Ele estava embriagado e portava uma porção de maconha dentro do GM Celta. 

O assassinato do secretário de Agricultura Familiar ocorreu na tarde de sábado. 

Junior Bittencourt, como era conhecido, foi morto com golpes de faca no pescoço enquanto cortava o cabelo de um cliente. 

(Com informações: Dourados News)

Veja Também