• Diretor de Redação Ulysses Serra Netto
  • MS Record
  • Rede Record
Corumbá

Cidade de MS inaugura bondinho para transporte e passeio contemplativo

Equipamento favorece pedestres no fácil acesso às áreas históricas, de visitação e contemplação

(Foto: Clóvis Neto/Prefeitura de Corumbá)

O Funicular/Plano Inclinado, obra de requalificação urbanística ligando a parte Alta com a parte Baixa de Corumbá, foi entregue pelo prefeito Marcelo Iunes e pelo ministro do Turismo, Carlos Brito nesta sexta-feira, 13 de maio. A presidente do Iphan, Larissa Peixoto, acompanhou a agenda.

O prefeito Marcelo Iunes destacou que a intervenção tem a finalidade de proporcionar melhor mobilidade, favorecendo os pedestres (moradores, turistas, pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida) no fácil acesso às áreas históricas, de visitação e contemplação, já que se trata de um cenário considerado um dos cartões postais de Corumbá. Iunes reforçou que Corumbá tem outras obras, em andamento, viabilizadas com recursos via Iphan.

“Temos o Antigo Mercadão, a Prefeitura Antiga, a Comissão Mista; a Casa do Artesão e também o ILA. Se Deus quiser ministro, o senhor voltará a Corumbá ainda este ano para entregar estas obras. Peço esse olhar carinhos para Corumbá. Precisamos do apoio do Governo Federal, o Estado é grande parceiro, e que presidente Jair Bolsonaro continue investindo no patrimônio cultural brasileiro, sempre olhando para a o nosso Pantanal; rio Paraguai e para nossa Corumbá. Que a gente consiga entregar esses projetos”, complemento o chefe do Executivo Municipal.

(Foto: Clóvis Neto/Prefeitura de Corumbá)

De acordo com o ministro do Turismo, a requalificação urbanística valoriza forte turismo corumbaense. “Corumbá está dentro do nosso planejamento, conte com o governo federal prefeito. São ações que fortalecem ainda mais o turismo de Corumbá e o brasileiro”. A presidente do Iphan, Larissa Peixoto, disse que o Funicular é uma obra significativa. “Representa, de fato, a verdadeira interação entre a preservação do patrimônio e o usufruto da população. Obras como essa realmente estão fazendo a diferença”, destacou.

A requalificação urbanística fez parte do pacote do PAC Cidades Históricas do Governo Federal, via IPHAN, com valor de R$ 1.479.627,35; além de recursos próprios da Prefeitura de Corumbá. Geralmente, requalificação envolve as áreas externas, como praças e ruas, e visa agregar mais conforto, iluminação, segurança, beleza e qualidade de vida ao espaço público.

Antes de entrar em operação, a Fundação do Turismo do Pantanal fará um processo seletivo simplificado para escolher os profissionais que vão atuar o Plano Inclinado.

(Foto: Clóvis Neto/Prefeitura de Corumbá)

O Funicular - O Funicular/Plano Inclinado é uma espécie de bondinho ligando a avenida General Rondon a Travessa Mercúrio, no Porto Geral. Visa promover a mobilidade, urbanização, melhoria das condições socioambientais, turísticas e a acessibilidade facilitando o acesso da população – e visitantes – ao Porto Geral e à orla fluvial no Porto Geral.

O equipamento possui duas plataformas de entrada: a superior, que se encontra na avenida General Rondon, próximo ao Antigo Hotel Galileo no início da rua Frei Mariano; e a inferior, em uma pequena praça que dá acesso ao Porto Geral através da Travessa Mercúrio. O transporte dos passageiros é feito através do acesso a uma destas plataformas. O passageiro entra na cabine do elevador com capacidade para 06 pessoas. A cabine – popularmente conhecida como Funicular/Plano Inclinado – percorre um trilho inclinado, num trajeto de 45 metros, vencendo um desnível (altura) de 19 metros entre a plataforma superior e a inferior.

Atualmente o acesso entre a parte alta e a parte baixa (orla do rio Paraguai) da cidade de Corumbá é feito através de várias ladeiras e a histórica Escadinha da XV. As ladeiras da cidade trazem a memória de boa parte da história e tradições culturais do município, como a festa do Banho de São João na Ladeira Cunha e Cruz e acontecimentos históricos como a batalha da Guerra contra o Paraguai. Porém devido as grandes inclinações das ladeiras, dentre outros fatores, é dificultosa a mobilidade de ônibus de transporte público e pedestres a pé, desta forma não promove a facilidade de acesso ao Porto por parte da população local e dos turistas.

(Foto: Clóvis Neto/Prefeitura de Corumbá)
Veja Também