• Diretor de Redação Ulysses Serra Netto
  • MS Record
  • Rede Record
Campo Grande

Passageira ataca motorista de aplicativo com arma de choque após briga

Motorista procurou a Delegacia de Polícia Civil e o caso foi registrado como lesão corporal dolosa

Homem passa mal e morre no momento que UPA não possuía médicos (Foto: Arquivo/Diário Digital)

Uma motorista de aplicativo procurou a polícia na noite deste domingo (16), após ser atingida por uma máquina de choque durante uma corrida. A vítima conta que teria discutido com uma passageira, que se recusava a usar máscara de proteção.

De acordo com a ocorrência, a motorista aceitou uma corrida por volta das 19h20, no bairro Noroeste, em Campo Grande. No momento do embarque entraram no carro duas mulheres, um homem e uma criança de colo.

Após um determinado tempo, a motorista percebeu que os passageiros não utilizavam a máscara de proteção - item obrigatório por conta da pandemia – então pediu para que os passageiros colocassem o EPI.

Com isso, começou uma discussão e a motorista chegou a finalizar a corrida, momento em que todos saíram do carro. Apenas uma das mulheres continuou dentro do carro ainda discutindo, antes de sair ela jogou o dinheiro da viagem no banco e acertou a vítima duas vezes com uma arma de choque.

A motorista procurou a Delegacia de Polícia Civil e o caso foi registrado como lesão corporal dolosa.

Veja Também