• Diretor de Redação Ulysses Serra Netto
  • MS Record
  • Rede Record
Covid-19

MS se aproxima de 166 mil casos confirmados

Desde domingo foram 350 exames positivos e mais 12 mortes

Estado tem 3.293 registros de morte por Covid-19 (Foto: Divulgação)

Dados do boletim epidemiológico da Secretaria de Estado de Saúde mostram que com 350 exames positivos de coronavírus, em 24 horas, a doença se aproxima dos 166 mil casos confirmados em Mato Grosso do Sul.

Em apenas 24 horas, 12 pessoas vieram a óbito pelo vírus, totalizando 3.024 mortes por coronavírus desde o início da pandemia. “Um número muito elevado de mortos para um Estado como Mato Grosso do Sul, mesmo tendo uma das menores taxas de mortos do País”, ressalta o Secretário de Estado de Saúde, Geraldo Resende.

Dos óbitos registrados hoje, seis pessoas eram residentes de Campo Grande, quatro em Corumbá e um em Naviraí e um em Nova Andradina. “A taxa de contágio está em 0,95, abaixo de 1 e com redução em relação ao período anterior. Casos ativos fechamos a semana em 7.599, abaixo dos números da semana anterior, quando havia 7.599 casos ativos da doença”, reforça Resende. 

Dos 165.903 casos confirmados da doença, 6.340 pessoas estão em isolamento domiciliar e 463 estão internadas em unidades hospitalares do Estado. Até o momento, 156.076 pessoas se recuperaram da doença.

Do total de internados, 237 estão em leitos clínicos, sendo que 150 estão pelo SUS  e 87 na rede privada. Os casos mais graves que exigem internação em leitos de UIT (Unidade de Terapia Intensiva) totalizam 226 hospitalizados, com 168 na rede pública e 58 na rede privada.

Em relação à ocupação de leitos, a situação mais agravante ocorre em Dourados, com taxa de ocupação de 85%; em Campo Grande, o índice é de 78%; enquanto que em Três Lagoas, é de 54% e em Corumbá, de 41%.

Solidariedade

Na live de hoje, o secretário de Estado de Saúde, Geraldo Resende, falou da iniciativa do Governo do Estado de receber pacientes de Rondônia, estado que hoje vive uma situação preocupante em relação à disponibilidade de leitos e do agradecimento do Governador do Estado de Rondônia, Marcos Rocha e do secretário de Estado de Saúde, Fernando Máximo, em relação ao apoio de Mato Grosso do Sul. “A saúde desse Estado está em colapso, com 100% de taxa de ocupação e filas enormes de pessoas que precisam desses leitos e não têm. Aqui, em Mato Grosso do Sul, estamos ofertando leitos de UTI do SUS, mostrando a ajuda humanitária do Governo de MS”

Vacinômetro  

Até a última sexta-feira (05), segundo ferramenta da SES 75.410 doses de vacinas contra o coronavírus foram aplicadas no Estado, este total corresponde a 47,41% do público da fase 1, de 176.721 pessoas e 2,68% da população total.

Veja Também