• Diretor de Redação Ulysses Serra Netto
  • MS Record
  • Rede Record
Pandemia

Taxa de contágio do novo coronavírus cai em MS

Redução é atribuída às medidas restritivas impostas pelo Governo do Estado e o avanço da vacinação

(Foto: Marco Miatelo)

A taxa de contágio do novo coronavírus que no começo de Junho já esteve em 1,14% em Mato Grosso do Sul, finalmente atingiu o patamar perseguido pela Secretaria de Estado de Saúde (SES) de 0,99%. A redução é atribuída às medidas restritivas impostas pelo Governo do Estado e o avanço da vacinação.

“Hoje felizmente a gente decaiu abaixo de 1%. Hoje estamos a 0,99% da taxa de contágio. Mas isso não é motivo para relaxar, nós precisamos continuar tomando as mesmas decisões que nós tomamos durante todo o enfrentamento da Covid, a doença é muito perigosa e daqui a pouco pode surgir uma nova mutação que possa colocar a todos nós em risco”, afirmou o titular da SES, Geraldo Resende durante live.

Os indicadores do Boletim Epidemiológico apresentado pela Secretaria de Estado de Saúde nesta quarta-feira (30) traz 730 novos sul-mato-grossenses positivados para a Covid-19, mais 51 óbitos notificados nas últimas 24 horas, e 519 pacientes recuperados.

Os cinco municípios com maior número de novos casos confirmados são: Campo Grande (+432), Ponta Porã (+31), Ivinhema (+28), Dourados (+27) e Três Lagoas (+21). A média diária de confirmações no Estado está em 1.170 nos últimos 7 dias.

Dos pacientes que faleceram por complicações da doença, 29 eram residentes em Campo Grande, 5 de Três Lagoas, 4 de Ponta Porã, 2 de Corumbá, 2 de Ivinhema e 2 de Paranaíba. Anastácio, Aparecida do Taboado, Bataguassu, Bonito, Cassilândia, Corguinho e Terenos registraram uma morte cada. A média móvel indica 41,6 mortes diárias na última semana.

Dos casos ativos, 842 pacientes estão internados em leitos clínicos (366) e leitos de UTI (476). O indicador que monitora os dados de internações também apresenta ligeira queda no comparativo com o número recorde registrado no dia 8 de junho quando haviam 1.339 pacientes internados.

Na fila de espera constam 28 pacientes, sendo 22 na central de regulação de Campo Grande, 2 na de Dourados, e outros 2 na central de regulação do Estado. Existem 1.144 amostras em análise no Lacen e laboratórios parceiros, e outros 4.636 casos sem encerramento pelos municípios.

Confira todos os dados do boletim epidemiológico desta quarta-feira, 30 de junho de 2021, aqui.

Veja Também