• Diretor de Redação Ulysses Serra Netto
  • MS Record
  • Rede Record
Covid-19

MS chega a 156,7 mil infectados e 2.819 mortes

Estado tem ainda 5,4 mil casos que ainda não tiveram resultado divulgado pelos municípios

(Foto: Divulgação)

Ainda no aguardo de 5,4 mil casos para registro pelos municípios nos sistemas oficiais de saúde, Mato Grosso do Sul contabiliza 156,7 mil confirmações de coronavírus até o momento, segundo os dados do boletim epidemiológico da Secretaria de Estado de Saúde.

Com isso, 252 exames foram registrados como positivos e sete óbitos, nas últimas 24 horas. “Geralmente a nossa média é de 900 casos ao dia, é preciso verificar ao longo da semana. Pedimos aos secretários/as para solução dessa situação, para continuarmos trabalhando com a mesma transparência desde o início”, explicou o secretário de Estado de Saúde, Geraldo Resende.

A pandemia já resultou em 2.819 mortes sul-mato-grossenses. Do total de casos confirmados, 10.192 estão em isolamento domiciliar, 143.196 estão recuperados e 514 estão hospitalizados. Dos pacientes internados, 263 estão nos leitos clínicos e 251 nos leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva).

Dos que estão em leitos clínicos, 172 estão internados pelo SUS e 91 na rede privada. Já os casos mais graves, 183 estão em leitos UTI/SUS e 68 na rede privada.

Ainda em patamares alarmantes, a macrorregião de Campo Grande apresenta 81% de taxa de ocupação de leitos; Dourados tem 83% de ocupação; Três Lagoas, 60% e Corumbá, 70%.

Durante a live, o secretário de Gestão Estratégica, Eduardo Corrêa Riedel, ressaltou a importância da chegada da vacina, assim como manutenção das medidas de biossegurança. “Nessa nova fase, vamos fazer o máximo de esforço possível para trazer a vacina. E mais: nós manteremos a rigidez em relação à prioridade da vacinação, existe uma fila e nós vamos seguir este calendário. O equilíbrio proporcionado pelo projeto Prosseguir é o que temos que buscar até conseguirmos imunizar toda a nossa população”, salientou.

Veja Também