• Diretor de Redação Ulysses Serra Netto
  • MS Record
  • Rede Record
Aquidauana

Homem é autuado em R$ 16,8 mil por crime ambiental em assentamento

A pena prevista é de um a seis meses de detenção

Os resíduos resultantes do desmatamento foram amontoados e incendiados. (Foto: Divulgação/ PMA)

Na tarde deste domingo (18), a Polícia Militar Ambiental recebeu denúncias sobre crime ambiental em assentamento localizado no município de Aquidauana, sobre supressão vegetal e incêndio.

De acordo com as informações da polícia, no local foi constatado que a supressão vegetal foi realizada com maquinário agrícola, que não estava mais local e os resíduos resultantes do desmatamento foram amontoados e incendiados.

Afetando ainda algumas árvores de grande porte não derrubadas. Ao todo foram destruídos cerca de 16 hectares.

O autor de 51 anos, residente em Nioaque, não tinha autorização do órgão ambiental para nenhuma das atividades e foi autuado e multado em R$ 16.800, ele também vai responder por crime ambiental, com pena prevista de um a seis meses de detenção.

(Informações PMMS)