• Diretor de Redação Ulysses Serra Netto
  • MS Record
  • Rede Record
Crime Ambiental

Dono de rancho é autuado em R$ 1,6 mil por pescado ilegal

PMA de Porto Murtinho apreendeu também um freezer e 47 kg de pescado

O infrator foi multado em R$ 1.640,00 (Foto: PMA/Divulgação)

A Polícia Militar Ambiental de Porto Murtinho (MS), realizou a fiscalização no rio Apa — região da foz com o rio Paraguai na tarde de segunda-feira (12). A vigilância da área foi intensificada, especialmente depois que os policiais apreenderam 2.000 metros de pesca (petrechos proibidos) nessa região, que teriam sido armadas por embarcações paraguaias, segundo denúncias na madrugada do dia 3, deste mês.

Em um rancho pesqueiro, localizado às margens da Baia Grande, próximo a Foz do Rio Apa com o rio Paraguai foram localizados 47 Kg de pescado armazenados em um freezer.

Na data, a equipe policial realizou as medições do pescado e verificou que muitos peixes se encontravam fora das medidas permitidas por lei.

O pescado e o freezer foram apreendidos e o proprietário do rancho de 45 anos, residente em Porto Murtinho, recebeu voz de prisão e foi conduzido, juntamente com o material apreendido à Delegacia de Polícia Civil daquela cidade e responderá por crime ambiental de armazenamento de produto da pesca predatória, que prevê pena de um a três anos de detenção.

Ele também foi autuado administrativamente e foi multado em R$ 1.640,00. Os peixes serão doados para instituições filantrópicas.