• Diretor de Redação Ulysses Serra Netto
  • MS Record
  • Rede Record

Ônibus circularão até 21h30 na Capital

Medida valerá enquanto durar o novo toque de recolher que vai até 19 de Julho

O transporte coletivo de Campo Grande vai funcionar para o público em geral até às 21h30, após esse horário somente poderão embarcar nos coletivos que ainda estiverem circulando trabalhadores de serviços essenciais, tais como hospitais, farmácias e mercados.

A medida anunciada pelo prefeito Marquinhos Trad (PSD) durante transmissão pelas redes sociais nesta quarta-feira, 8 de Julho, valerá enquanto durar o novo horário do toque de recolher da Capital, estabelecido no decreto 14.376 publicado na terça-feira, 7 de Julho.

A partir desta quarta-feira, o confinamento obrigatório será das 20h às 05h do dia seguinte. O novo horário vale até 19 de Julho, um domingo.

O toque de recolher foi alterado para diminuir a vida noturna de Campo Grande, de modo a reduzir o contágio do coronavírus e consequentemente a ocupação dos leitos de UTI atualmente em 77%.

Na transmissão, o prefeito esclareceu estar tomando as medidas coletivamente, ouvindo entidades de classe, ministério público e outras entidades. “Tudo foi pensando e nada vai afetar o seu direito de ir e vir. Mas é necessário responsabilidade social”, afirmou.

O novo decreto que alterou o toque de recolher também limitou a capacidade de funcionamento de academias, restaurantes e templos religiosos em 40% em vez dos 60% autorizados em decreto anterior.

Segundo dados divulgados nesta quarta-feira, Campo Grande tem 3.579 casos confirmados de Covid-19 e 28 óbitos. Há 118 pacientes internados, 896 em isolamento domiciliar, 2.353 recuperados.

Saiba mais sobre o novo decreto clicando aqui.