• Diretor de Redação Ulysses Serra Netto
  • MS Record
  • Rede Record
Cultura

Sesc Cultura terá oficina sobre animação infantil

Nos dias 10 e 11 de dezembro, terça e quarta-feira, das 19h às 21 horas, o Sesc Cultura, em Campo Grande, realiza a oficina Diálogos: cinema de animação para infância e cinema de poesia, com o pesquisador e produtor premiado internacionalmente, Joel Pizzini (RJ); o escritor e roteirista Ricardo Pieretti Câmara (MS) e a diretora de filmes infantis Patricia Alves Dias (RJ). Para se inscrever, é preciso ter cartão Sesc Válido, que pode ser feito na própria unidade mediante investimento de R$ 15,00 ou gratuitamente para comerciários e dependentes. As vagas são limitadas.

A oficina é voltada a artistas, realizadores, produtores cinematográficos, estudantes, pesquisadores e docentes nas áreas de cinema, artes e infância e será ministrada na Sala de Música. É um convite à reflexão sobre a criação de projetos e obras de cinema e séries de animação para criança a partir do Cinema de Poesia. “Propomos dialogar sobre o cinema animado, enquanto linguagem, como locus germinal para a reinvenção da realidade mas também como lugar político de produção para infância”, diz a gerente do Sesc Cultura, Andréia Simone.

Durante a oficina, haverá diálogos a partir dos processos de criação e desenvolvimento de projetos e filmes para crianças, desde o surgimento da ideia, passando, pela formatação do argumento, roteiro, story board, criação de personagem, direção de arte, a partir da experiência realizada no case O Menino que engoliu o sol, serie inédita realizada para EBC, narrada por Ney Matogrosso. Além do ministrante, também participam destes diálogos Patrícia Alves Dias e Ricardo Pierreti Câmara, criadores e produtores da série O Menino que Engoliu o Sol, da Polofilme e EBC/Ancine.

Sobre Joel Pizzini – Pesquisador, professor e autor de filmes-ensaios, premiados internacionalmente como "Caramujo-Flor (1988), Enigma de Um Dia (1996), Glauces (2001) e Dormente (2006). Conquistou com os longa 500 Almas (2004) e Anabazys (2009), além da seleção oficial no Festival de Veneza, os prémios de MelhorFilme em Mar Del Plata, e Brasília. Pesquisador de novas linguagens, participou da Bienal de São Paulo, Mercosul com videoinstações e direção de performances. Diretor de Elogio da Graça (Melhor curta no Grande Premio do Cinema Brasileiro) e Mr.Sganzerla, vencedor do Festival É Tudo Verdade (2010) e HBRFF- LosAngeles. Dirigiu o filmensaio Olho Nú (sobre Ney Matogrosso), co-produzido pelo Canal Brasil premiado como melhor filme do Festival In-Edit. Produtor artístico da série O Menino que Engoliu o Sol (2019/2020), produzido pela EBC e POLOFILME.

Já Ricardo Pieretti Câmara é doutor em Humanidades pela Universidade Autónoma de Barcelona, autor do livro Os Contadores de Causos e a Poética dos Pantanais, dos documentários O Estado Do Índio (2000) e Causos, Uma Poética Pantaneira (2007) e do livro infantil O Menino Que Engoliu o Sol (2009). Co-roteirista da série de animação para crianças O Menino que engoliu o Sol (2019/2020), uma adaptação livre do livro homónimo, de sua autoria, do universo onírico de Manoel de Barros e do mundo pictórico de Martha Barros.

Patrícia Alves Dias é criadora, pesquisadora e realizadora de cinema infantil. Tem especialização em cinema de animação pelo National Film Board of Canada - NFBC (1985/1988). Foi artista visitante nos estúdios de animação J. Trnka em Barrandov, República Tcheca (1995). É mestre em educação com especialização em infância, juventude e cultura contemporânea (2014). Pelo conjunto de sua obra, recebeu os títulos de AMIGA DO CINEMA INFANTIL no FICI e AMIGA DA CRIANÇA na Mostra de Cinema Infantil de Florianópolis. Seus projetos de filmes são premiados do Japan Prize, Prix Jeunesse America Latina, OETI Unicef e Unesco Mejores Prácticas de Media. É diretora, co-produtora e co-roteirista da série O Menino que Engoliu o Sol (2019/2010).

Serviço – O Sesc Cultura está localizado na Avenida Afonso Pena, nº 2270. Informações pelo telefone 3311-4300. O funcionamento é de terça-feira a sábado das 13h às 21h30 e da Central de relacionamento: 13h às 17h30 e das 19h às 21h30. A Biblioteca atende das 13h às 21h30 e a Galeria de Arte fica aberta das 13h às 21h30. Acompanhe a programação no site sesc.ms  .
 

Veja Também