• Diretor de Redação Ulysses Serra Netto
  • MS Record
  • Rede Record
Sequestro relâmpago

Sequestro relâmpago faz mulher ficar em poder de bandidos por três horas

Motorista de aplicativo havia sido sequestrada e jogada em matagal

Carro da vítima foi recuperado (Foto: Divulgação/ Diário Corumbaense)

Uma mulher de 46 anos ficou aproximadamente três horas nas mãos de bandidos que roubaram celular, "uma grande quantidade de dinheiro trocado" e dois anéis. O crime havia acontecido na madrugada de domingo para segunda, 18 de outubro, que foi quando a mulher conseguiu ser resgatada pela força tática da Polícia Militar de Corumbá. De acordo com informações do Diário Corumbaense.

Sendo motorista de aplicativo, a vítima contou para a polícia que havia sido rendida por três pessoas, sendo dois homens e uma mulher. Os bandidos que se passaram por passageiros haviam pedido uma corrida e no trajeto um deles deu uma "gravata" no pescoço da vítima quando anunciou o assalto, ordenando que ela ficasse quieta, caso contrário morreria. 

Dinheiro que estava com um dos bandidos (Foto: Divulgação/ Diário Corumbaense)

Após terem o controle do carro, os criminosos se encontraram com um quarto integrante do crime. A vítima foi amordaçada, amarrada e abandonada em uma região de matagal com a ordem de não gritar por socorro. Felizmente, ela conseguiu se soltar e procurou ajuda de populares e entrou em contato com a polícia. De acordo com o Diário Corumbaense, o veículo tinha rastreador e conseguiu ser encontrado pela PM após um bloqueio do veículo.

Dois homens (de 22 e 23 anos) envolvidos foram encontrados e presos pela força tática. A mulher e o terceiro homem ainda estão a procura da polícia.

As informações podem ser encontradas no Diário Corumbaense.

Veja Também