• Diretor de Redação Ulysses Serra Netto
  • MS Record
  • Rede Record

Polícia prende encanador suspeito de homicídio

A polícia prendeu o encanador Ludevino Neres Tomicha, de 42 anos, acusado de matar Magnum Aparecido Bori Cavalheiro, de 32 anos, na noite desta quarta-feira (20), em Campo Grande. O homem que foi reconhecido com a ajuda das imagens de câmeras de segurança do posto de combustíveis onde o corpo da vítima foi encontrado, confessou o crime. 

Na manhã de ontem (21), após  o corpo ser encontrado a polícia recebeu informações que os suspeitos moravam em uma casa no Bairro Serradinho, conhecida como “Boca do Buguinho”. Porém, o encanador foi localizado mais tarde escondido na residência de um irmão, no Bairro Lageado. Ao ser preso, ele confessou ter matado o homem de 32 anos, mas disse que não tinha a intenção.O encanador contou que  estava a pé no Serradinho, a caminho da residência de uma irmã quando levou a paulada na cabeça e teve a mochila roubada por Magnum.  Em seguida, ele foi para casa, pegou uma faca e saiu atrás de Magnum com a intenção de assustá-lo. 

Nas imagens, a vítima aparece correndo de quatro homens, três a pé e um de bicicleta. Ludevino seria o autor que pula a cerca atrás de Magnum e o golpeia com uma faca. A suspeita é que ele tenha tido ajuda dos dois filhos, um deles adolescente, e um amigo para espancar Magnum e persegui-lo. O encanador, nega participação dos filhos e afirma que eles só estavam atrás dele para verificar se o pai estava bem.

O caso - Por meio da numeração da tornozeleira eletrônica, Magnum Aparecido Bori Cavalheiro, de 32 anos, foi identificado como o homem encontrado morto no pátio de um posto de combustíveis na Avenida Duque de Caxias, na Vila Serradinho, em Campo Grande, na manhã de quinta-feira. 

Conforme a Perícia, tudo indica que ele foi esfaqueado na cabeça e do lado direito do abdômen. Segundo o registro da ocorrência, por volta das 6h da manhã, a polícia recebeu uma denúncia de que havia um homem caído no pátio do posto, aparentemente sem vida. Quando a equipe chegou ao local, encontrou Magnum com perfurações no corpo, um braço e os dentes quebrados. Mesmo depois de feriado, ele pulou a grade de segurança do posto e caiu no chão, mas morreu em seguida.

 Veja o vídeo: