• Diretor de Redação Ulysses Serra Netto
  • MS Record
  • Rede Record
Crime Ambiental

Paraguaios tentam atravessar fronteira com arara-azul em sacola

Dupla foi flagrada pela PMA e encaminhada para a Polícia Civil

PMA devolve à natureza arara-azul apreendida com dois paraguaios (Foto: Divulgação/PMA)

A Polícia Militar Ambiental interceptou dois homens de nacionalidade paraguaia tentando atravessar a fronteira com uma arara-azul escondida em uma sacola plástica. O flagrante aconteceu em Bela Vista, município de MS que faz fronteira com Bela Vista do Paraguay, no país vizinho.

Os homens, de 31 e 42 anos, foram flagrados em um carro de origem coreana, sem placas e abordados próximo à linha internacional. A ave foi localizada pelos policiais escondida dentro de uma sacola plástica.

Os suspeitos foram detidos e encaminhados à delegacia de Polícia Civil de Bela Vista e responderão pelo crime ambiental. A PMA percebeu que se tratava de um animal adulto. Como este é o período reprodutivo da ave e ela poderia estar cuidando de filhotes, a equipe conseguiu informação com os homens de onde a tinham capturado para realizar a soltura.

O animal passou por cuidados veterinários e confirmação de que era adulto e foi solto no local de onde havia sido capturado, em uma fazenda nas proximidades da cidade.

Essa ave está atualmente ameaçada de extinção devido à caça, ao comércio clandestino e à degradação em seu habitat natural por conta do desmatamento.

Veja Também