• Diretor de Redação Ulysses Serra Netto
  • MS Record
  • Rede Record
Incêndio Pantanal

Incêndio subterrâneo dificulta trabalho dos Bombeiros na Serra do Amolar

Como parte da vegetação já havia sido queimada, os novos focos representam um grande desafio aos bombeiros

(Foto arquivo Diário Digital )

Os incêndios voltaram a atingir o Pantanal sul-mato-grossense e a equipe do Corpo de Bombeiros tem tido dificuldades para extinguir o fogo, principalmente na região da Serra do Amolar. No local, os Bombeiros têm se deparado com uma situação bastante complicada: o incêndio é subterrâneo.

Como parte da vegetação já havia sido queimada, os novos focos representam um grande desafio aos bombeiros. O 2º sargento Segarini explica as dificuldades em combater as chamas.

“Em área que vinha sendo queimada, tem uma área verde, mas [o incêndio] passou por baixo, está no subsolo. Tem uma certa quantidade de matéria orgânica embaixo e essa matéria fica queimando, isso dificulta o combate na região do Pantanal. Acontece muito, acha que extinguiu as chamas, mas está queimando no subsolo”, explica.

Outro problema é a característica da vegetação no local. “São vários galhos, cipós, tronco e o relevo que é bastante ruim para se locomover na mata do Pantanal”.

(Com informações O Pantaneiro)