• Diretor de Redação Ulysses Serra Netto
  • MS Record
  • Rede Record
Rede Estadual de Ensino

Aulas presenciais voltam de forma gradativa

Estudos serão híbridos e aula presencial não é obrigatória se família não se sentir segura

É permitido no máximo 12 alunos por sala e distanciamento é mantido (Foto Luciano Muta)

Após um ano estudando em casa, os alunos das REE (Rede Estadual de Ensino) voltaram às aulas nesta segunda-feira, 1º de março. No retorno o formato será híbrido. Uma parte dos alunos tem aula remota e outra parte será presencial com distanciamento e medidas de biossegurança. Em um dia normal fora da pandemia, a sala tem pelo menos 40 estudantes. Agora o número máximo permitido é 12. Mudanças necessárias para enfrentamento da Covid-19.

Alunos se adaptam às mudanças (Foto Luciano Muta)


Hoje foi um dia de teste para professores, pais, alunos e colaboradores nas unidades escolares. No Conjunto Rouxinóis, a diretora da Escola Estadual Maria de Loures Toledo Areias, Adriana Bellei, explica que sobre as medidas de segurança que são tomadas logo na entrada.

"Assim que os alunos vão chegando a temperatura de cada um é medida, passa álcool em gel e é feito o uso do tapete Sanitizante. Em relação às salas de aulas é mantido um distanciamento e permitido no máximo 12 alunos, sempre utilizando a máscara. Não tem intervalo para evitar aglomeração e o lanche é distribuído por sala. O período de aula foi diminuído: é das 07 às 10h30 e a saída é gradativa", explica a diretora.

Diretora explica sobre as mudanças no retorno das aulas (Foto Luciano Muta)


O diretor-adjunto, Edi Carlos Douglas, ressaltou a importância da volta aulas. " Vai demorar um bom tempo para tudo voltar ao normal. Estamos felizes e o primeiro passo foi dado. Devemos sempre preservar a segurança. Vale lembrar que os alunos não são obrigados a frequentar as salas de aulas. Se os pais não se sentirem seguro não precisa mandar", afirma.

Diretor-adjunto ressalta que presença não é obrigatória (Foto Luciano Muta)


Em um pesquisa interna realizada pela escola 80% dos pais são favoráveis à volta as aulas presenciais. O estudante Breno Pereira, de 16 anos, afirmou que o estudo remoto é bem diferente. "O barulho na rotina da casa tira a concentração e voltar os estudos com os professores é muito importante", pontua.

Breno está feliz pelo retorno dos estudos presenciais (Foto Luciano Muta)


A volta aulas está sendo de forma gradativa. Nesta segunda-feira, por exemplo, voltaram as turmas do oitavo e nono ano divididas em várias salas. Na chegada, o clima era de alegria. Todos demonstraram estar com saudades das aulas presenciais.

A Rede Estadual de Ensino tem hoje 194,7 mil alunos matriculados.

Veja Também