• Diretor de Redação Ulysses Serra Netto
  • MS Record
  • Rede Record
Morte a esclarecer

Mulher encontrada carbonizada estava desaparecida desde sábado

Vítima estava com a calcinha abaixada até o meio das pernas. Além disso, foi encontrado um macaco hidráulico próximo ao corpo

Foto Dourados News

Aliana Dias dos Santos, 41 anos, moradora do conjunto habitacional Vacilio Dias, em Nova Alvorada do Sul, foi encontrada morta em meio a uma plantação de cana de propriedade da usina Biosev. Trabalhadores rurais encontraram o corpo carbonizado na tarde desta segunda-feira (20).

Conforme ocorrência, a mulher que estava desaparecida deste o último sábado (17), segundo o filho, foi encontrada no quilômetro 355 da BR-163, quando funcionários da usina foram acionados para apagar o incêndio na plantação.

Segundo informações policiais, a vítima estava com a calcinha abaixada até o meio das pernas. Além disso, foi encontrado um macaco hidráulico próximo ao corpo, possivelmente usado para agredir Aliana, que apresentava várias lesões na região da cabeça.

Equipes da Polícia Civil de Nova Alvorada do Sul e da perícia de Dourados estiveram no local para fazer os levantamentos. O caso é tratado como homicídio e a polícia investiga.

(Com informações Dourados News)

Veja Também