• Diretor de Redação Ulysses Serra Netto
  • MS Record
  • Rede Record
Estado MS

Mato Grosso do Sul tem queda de óbitos por Covid na primeira semana de agosto

Também houve redução de 22% nos casos confirmados da doença

(Foto: Luciano Muta)

A primeira semana de agosto mostra uma queda de 48% no número de mortes por Covid-19 em Mato Grosso do Sul, na comparação com o mesmo período de julho. Também houve redução de 22% nos casos confirmados da doença e diminuição de 30% em relação aos pacientes internados.

O Boletim divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde (SES) mostra que nestes seis primeiros dias de agosto teve 59 mortes em função da Covid, contra 115 óbitos no mesmo período de julho, queda de 48%. Já o número de casos nesta semana foi de 3.017 e no mês passado 3.912.

O número de pacientes internados em 6 de agosto é de 481 no Estado, enquanto em 6 de julho era 694, uma redução de 30%. Outro dado importante é sobre as pessoas que estão em isolamento devido a infecção com o vírus: agora são 3.973 e no mês passado, no mesmo período, eram 7.113.

A taxa de ocupação de leitos de UTI SUS também reduziu nesta comparação, já que agora está em 78% na macrorregião de Campo Grande, 56% em Dourados, 53% em Três Lagoas e 59% na região de Corumbá. Em julho estes percentuais estavam em 87% (Campo Grande), 75% (Dourados), 78% (Três Lagoas) e 74% (Corumbá).

Para os especialistas, a queda nos indicadores da Covid-19 tem relação direta com o aumento da vacinação no Estado, que se trata inclusive de um cenário em todo o Brasil. “É o principal fator (vacinação), até porque outras medidas como distanciamento e uso de máscaras foram um pouco banalizadas pela população”, descreveu a médica infectologista, Mariana Croda.

Vacinação

Mato Grosso do Sul segue como destaque na vacinação no Brasil, estando nas primeiras colocações no ranking nacional tanto na primeira como na aplicação da segunda dose. Um dos fatores é a eficiência da logística do Estado, que distribui os imunizantes em menos de 12 horas aos 79 municípios.

De acordo com o “Vacinômetro”   60,49% da população do Estado já tomou a primeira dose e dose única (Janssen) e este percentual chega a 81,63% se contar o público acima de 18 anos. Já a segunda dose foi disponibilizada a 34,21% da população. Ao todo já foram aplicadas 2.429.234 vacinas em Mato Grosso do Sul.

Desde o início da imunização o governador Reinaldo Azambuja convocou “mutirões” nos municípios para ampliação da vacinação, ressaltando que “lugar de vacina era no braço e não na geladeira”. Também incentivou a população a completar o ciclo (imunização), procurando as unidades de saúde para tomar a segunda dose.

Veja Também