• Diretor de Redação Ulysses Serra Netto
  • MS Record
  • Rede Record
Economia

Superintendente do Procon alerta para irregularidades no aumento do preço da gasolina

Distribuidores de combustíveis aumentam preços antes de adquirirem o produto, diz Salomão

(Foto: Larissa Carolina/Rádio FM 97)

O Superintendente do Procon/MS, Marcelo Salomão, esclareceu dúvidas acerca do aumento no valor dos combustíveis nos postos da Capital.

Em entrevista para o programa Noticidade Primeira Edição, da Rádio FM Cidade 97, Salomão explicou que, quando se tem uma redução no preço da gasolina, os valores nos postos demoram dias para serem alterados. Já quando se tem um aumento, os distribuidores aumentam os preços antes mesmo de adquirirem o produto.

De acordo com a superintendência do Procon, postos de combustíveis que realizarem essa prática serão punidos, "Já fiscalizamos muitos postos, estamos com vários processos abertos. Já identificamos essa prática. O Procon entende que é uma prática abusiva e ilegal", afirmou Salomão.

O superintendente também salientou, ainda, que procura acabar com os casos de irregularidades na diferença do preço da gasolina em postos do interior de Mato Grosso do Sul. "Trabalhamos em duas frentes: primeiro, evitar que o aumento seja excessivo na Capital e segundo, reduzir o preço no interior, tento em vista a diferenciação de preço praticado pela distribuidora".

Por fim, o Superintendente do Procon faz um alerta, "Não abasteça em posto de gasolina caro, pesquise. Não abasteça, puna aquele que está vendendo caro".

Se encontrar algum caso de irregularidade entre em contato com o Procon no número 67 9 91580088.

Veja Também