• Diretor de Redação Ulysses Serra Netto
  • MS Record
  • Rede Record
Retomada econômica

Confiança do empresário do comércio melhora e atinge patamar positivo

Pesquisa da Confederação Nacional do Comércio aponta que 73,8% do empresariado está otimista

Foto: Marco Miatelo

Depois de quatro meses de queda, o Índice de Confiança do Empresário do Comércio (ICEC) volta a atingir nível positivo, ao registrar 100,8 pontos, em Campo Grande. A pesquisa foi divulgada pela Confederação Nacional do Comércio (CNC) e, apesar de estar longe do índice positivo de abril (114,8) já demonstra um alento para a economia varejista.

“O ICEC mede a percepção de empresários do comércio sobre o nível atual e o futuro quanto a propensão de investir em curto e médio prazo”, explica a economista do Instituto de Pesquisa e Desenvolvimento da Fecomércio MS, Daniela Dias.  “Assim sendo, ele é um indicador antecedente das vendas do comércio, a partir do ponto de vista dos empresários. Quando está acima de 100 pontos, significa que estamos na zona positiva, ou seja, estágio em que seria mais fácil transformar uma intenção em consumo efetivo”. Em setembro do ano passado, o índice era de 130,1.

De acordo com a pesquisa, a expectativa com a economia é positiva para 73,8% dos empresários e, especificamente para o comércio, esse percentual foi de 72,2% dos entrevistados. O otimismo se revela na perspectiva de contratação de funcionários: 42,2% afirmam que pretendem aumentar o quadro de colaboradores nos próximos meses.

“A flexibilização das regras de funcionamento do comércio, incluindo o de serviços e turismo, e a proximidade das festas de fim de ano colaboram com esse otimismo do comércio”, conta Daniela.