• Diretor de Redação Ulysses Serra Netto
  • MS Record
  • Rede Record

Mulher é multada em R$ 11 mil por incêndio em matas ciliares

A região afetada é uma APP do Rio Urumbeva

(Foto: Divulgação:PMMS)

A Polícia Militar Ambiental de Jardim haviam autuado em R$ 10 mil no dia 25 de agosto, o infrator que incendiara vegetação em uma área pública invadida do município de Nioaque, próximo ao Polo Industrial, afetando área protegida de preservação permanente de matas ciliares do rio Urumbeva (APP).

Já nesta quinta-feira (26), no mesmo local, uma mulher foi autuada também por incêndio em vegetação produto de um desmatamento de uma área de 2,1 hectares da área invadida, aferida com uso de GPS, afetando também área preservação permanente de matas ciliares do rio Urumbeva (APP), protegida por Lei.

As atividades foram interditadas. A infratora de 65 anos foi autuada administrativamente e foi multada em R$ 11.200,00. Ela também responderá por crime ambiental de degradação de área protegida, com pena prevista de um a três anos de detenção.

(Informação PMMS)