• Diretor de Redação Ulysses Serra Netto

Geral

Paulista é atuado em R$ 10 mil pela PMA

Quinta-feira, 11 Abril de 2019 - 09:15 | Redação


Durante fiscalização na cidade de Bataguassu ontem (10), os Policiais Militares Ambientais localizaram no Rio Pardo uma construção em um rancho, dentro da área protegida de preservação permanente (APP).

O proprietário do local realizou a construção de um trapiche com colunas de concreto, degradando as matas ciliares, inclusive, adentrando o leito do rio (área protegida) sem autorização ambiental.

O infrator (75), residente em Santo Anastácio, foi autuado administrativamente e multado em R$ 10.000,00 pela construção ilegal. A PMA interditou as atividades e o autuado também responderá por crime ambiental e, se condenado, poderá pegar pena de um a três anos de detenção.

SIGA-NOS NO Google News