• Diretor de Redação Ulysses Serra Netto
  • MS Record
  • Rede Record
Participação Social

Campo Grande agora tem Rede Municipal de Ouvidorias

Rede, que tem a finalidade de fortalecer, desenvolver e aprimorar o Sistema de Ouvidoria do Município

(Foto: Divulgação)

Com a publicação do Decreto n. 14.845 que cria o Sistema de Ouvidoria do Poder Executivo Municipal, a Prefeitura de Campo Grande, por meio da Controladoria-Geral do Município, lançou nesta quarta-feira (25) a Rede Municipal de Ouvidorias (OUVECG).

O prefeito Marquinhos Trad ressaltou a relevância que a unidade possui, atuando diretamente como uma ferramenta de controle e participação social. “É por meio da Ouvidoria que a Administração Pública conhece e analisa quais são as reais necessidades do cidadão. Por isso, a importância de ouvir, entender e responder às demandas que chegam até à gestão, são estas manifestações que auxiliam na construção e desenvolvimento da cidade”, garante o prefeito Marquinhos Trad.

A Rede, que tem a finalidade de fortalecer, desenvolver e aprimorar o Sistema de Ouvidoria, será composta pela Ouvidoria-Geral do Município, responsável pela coordenação e orientação dos trabalhos que serão desenvolvidos, bem como as Ouvidorias Setoriais, que serão implementadas nos órgãos e entidades da Prefeitura Municipal de Campo Grande.

O controlador-geral do Município, Luiz Afonso Gonçalves destacou que a atuação, cada vez mais em conjunto aos órgãos e entidades da Prefeitura visa não só a integração, mas também e rapidez no acesso aos serviços prestados pelo Poder Público. “Vamos priorizar o trabalho em conjunto para padronizar procedimentos, compartilhar experiências e informações com o intuito de facilitar o acesso do cidadão campo-grandense aos serviços oferecidos pela Prefeitura, disseminando a cultura da transparência pública e participação social”, ressalta o controlador-geral.

Para o ouvidor-geral do Município, Marcos Haroitto, a Rede, também intitulada OUVECG, irá agregar ao trabalho que já vem sendo desenvolvido pela unidade durante estes quatro anos e meio de atuação.

“Cada vez mais buscamos nos consolidar como um importante canal de interlocução entre o cidadão e o Poder Público e com a Rede de Ouvidorias presente e atuante, vamos garantir maior agilidade nas solicitações registradas por meio dos canais de comunicação, além de padronizar o atendimento e registro dessas demandas”, finaliza Marcos Haroitto.

Fala Campo Grande/156 de cara nova - A Controladoria-Geral do Município (CGM), em parceria com a Agência Municipal de Tecnologia da Informação e Inovação (AGETEC), aproveitou o momento para lançar a nova identidade visual do aplicativo Fala Campo Grande/156.

Reformulado, o aplicativo agora apresenta novas funcionalidades como a pesquisa de protocolo por código de indicação, anteriormente a busca por “Meus Protocolos” era realizada apenas pelo número do protocolo gerado no ato da solicitação.

A obrigatoriedade da foto fica dispensada e o novo aplicativo agora conta com leitor de código de barras, escolha de modo escuro/claro, bem como a apresentação dos menus (podendo ser em lista ou grade).

“O Fala Campo Grande foi lançado em 2017, após uma demanda da própria população e se tornou um dos principais meios de comunicação, com níveis altíssimos de solicitações, cerca de 191 mil em quatro anos. Hoje desempenha não só a função de uma plataforma para registro de demandas, mas possibilita a gestão de informação e dados da Prefeitura Municipal”, finaliza o Diretor-Presidente da AGETEC, Paulo Fernando Cardoso.

Veja Também