• Diretor de Redação Ulysses Serra Netto

Geral

Avianca cancela 1.045 após crise financeira

Sexta-feira, 26 Abril de 2019 - 09:46 | Redação


Milhares de consumidores estão se sentindo lesados por conta da situação  financeira da Avianca Brasil, mas há uma chance de que o final seja diferente do que aconteceu nos casos da Varig, Vasp e BRA. Uma ação enérgica e inédita em todo o Brasil transita na 1ª Vara de Direitos Difusos, coletivos e Individuais Homogêneos do TJMS, a fim de exigir da Avianca e suas controladoras a imediata realocação e ressarcimento dos consumidores prejudicados.

Ao todo Avianca Brasil cancelou 1.045 voos entre 22 e o próximo domingo 28 de abril. Milhares de consumidores estão abandonados à própria sorte, sem atendimento nos aeroportos ou reacomodação nos voos de outras companhias aéreas, conforme determina a ANAC – Agência Nacional de Aviação Civil.  

Além do transtorno, os passageiros que tiveram os voos da companhia aérea Avianca cancelados não estão sendo reacomodados em outras companhias e não sabem se serão reembolsados. O cancelamento ocorreu devido à exigência da devolução de 18 dos 25 aviões que a empresa ainda operava devido ao não pagamento do aluguel das aeronaves. Em recuperação judicial, a empresa tem sido acionada na Justiça pelas companhias que fazem o empréstimo de aviões.

No Mato Grosso do Sul a companhia irá parar de operar na próxima segunda-feira (29), os voos serão realizados em apenas quatro aeroportos do país. As atividades serão concentradas em Congonhas (SP), Santos Dumont (RJ), Brasília e Salvador (BA).

SIGA-NOS NO Google News