• Diretor de Redação Ulysses Serra Netto
  • MS Record
  • Rede Record
Campo Grande

Professores da REME se preparam para retorno dos alunos

As escolas realizaram recepção aos professores com atividades, oficinas, música, teatro, dança e reuniões

Foto Prefeitura de Campo Grande

O primeiro dia de retorno presencial dos professores da Rede Municipal de Ensino/REME nas unidades escolares foi de acolhida, reencontro e preparação. Cada escola realizou a recepção aos educadores com atividades, oficinas, música, teatro e dança, além de reuniões para organizar o retorno dos alunos no sistema escalonado a partir do dia 26 de julho.

“Sabemos que os desafios serão muitos, porém temos certeza que venceremos mais essa etapa! Neste período, de março de 2020 até esse momento, os diretores e professores foram fundamentais no processo ensino-aprendizagem, fazendo a diferença na vida dos nossos alunos, se reinventando, vencendo os medos e os desafios. Não paramos um dia, levamos aprendizagem, alimentação aos alunos em situação de vulnerabilidade, kit escolar entre outros, sem medir esforços”, afirmou a secretária Municipal de Educação, Elza Fernandes.

Hoje (20), os professores continuam a ser recebidos nas unidades escolares e até sexta-feira (23), participam de formações on-line nas áreas de biossegurança, pedagógica e também socioemocional.  As formações serão oferecidas de maneira remota, disponibilizadas via canal do programa “Reflexões Pedagógicas”, da Superintendência de Gestão das Políticas Educacionais (SUPED) da Secretaria Municipal de Educação (SEMED) – (https://www.youtube.com/channel/UCk3icPYGOBrCLSDIo38NcDg).

Depois de mais de um ano o ensino remoto de forma exclusiva, por conta da pandemia da covid-19, o retorno presencial às escolas foi esperado pelos professores da REME. A preparação inclui especialmente as práticas em relação “ao novo normal” e o padrão de procedimentos operacionais (POPs) estabelecido por cada unidade.

“Estamos muito confiantes. Sentimos que é o momento de retornar, os professores estão muito esperançosos”, disse Vilmar Balbuena, diretor da Escola Professora Oliva Enciso, no Bairro Tiradentes.

Entre os assuntos estavam a limpeza, higienização, horário de entrada e saída dos alunos, preparação e fornecimento da merenda e equipamentos de biossegurança (dispensers, face shield, máscaras e álcool em gel. Todos os itens serão tratados na formação específica na área de biossegurança que será oferecida para todos os professores da REME amanhã (21).

“É um momento de esperança, estava esperando há muito tempo esse retorno. A partir do momento que muitos já estão imunizados, eu estou feliz de voltar. Minha expectativa de retorno é receber meus alunos de braços abertos”, disse a professora Márcia Brum.

“É muito importante voltar. Estamos há mais de um ano longe da sala de aula, presencial. Eu percebo a vontade dos alunos em estarem com a gente novamente”, disse a professora Adriana Gomes.

RETORNO ESCALONADO

O retorno presencial escalonado dos alunos será na próxima segunda-feira, dia 26 de julho. Alunos, professores e demais servidores terão que cumprir as regras de biossegurança necessárias para evitar a disseminação da covid-19. Na entrada das unidades será aferida a temperatura de todos, além disso, é obrigatório o uso de máscara de proteção individual. A lavagem das mãos e demais cuidados com a higiene pessoal e do ambiente também serão orientações comuns nas dependências das escolas, bem como o uso de álcool 70.

Entre as ações desenvolvidas pelas escolas para garantir o retorno seguro dos alunos e trabalhadores da educação está o escalonamento dos estudantes, para que todos possam frequentar as aulas presenciais e ainda assim evitar aglomerações. Com isso, as salas de aula terão ocupação entre 25% e 50% com revezamento semanal, de acordo com a metragem do espaço para garantir o distanciamento necessário.

Os pais ou responsáveis pelos alunos devem manifestar por escrito, se o aluno irá frequentar as aulas presenciais. O documento está disponível nas unidades escolares e também no site da Secretaria Municipal de Educação (Semed) (http://www.campogrande.ms.gov.br/semed/volta-as-aulas-presenciais/).

Os horários das entradas, tanto no matutino quanto no vespertino, também podem ser adaptados para evitar aglomerações. Caso a unidade escolar ofereça a educação infantil, o horário de entrada, até o grupo 5 (alunos com 5 anos), deverá ser às 7h e às 13h, o ensino fundamental I (alunos do 1° ao 5° ano) deverá ser às 7h15min e às 13h15min, e o ensino fundamental II (do 6° ao 9° ano) será às 7h30min e às 13h30min. O horário de saída pode ser antecipado para às 10h, para os alunos do matutino, e às 16h, para os do vespertino.

Os alunos que apresentarem sintomas, tais qual dor de garganta, febre acima de 37,5°C, perda de paladar ou olfato, não deverão ser enviados à escola, quando o retorno presencial for colocado em prática.

Veja Também