• Diretor de Redação Ulysses Serra Netto
  • MS Record
  • Rede Record
IARA VILELA

Jornalista especializada em Turismo. Acredita que viajar é sempre a melhor escolha. Compartilha em suas redes sociais e no blog Viajando Aprendi as experiências das viagens por 48 países e mais de 160 cidades espalhadas por cinco continentes. Quer inspirar as pessoas a viajarem sempre mais.

Minhas Redes Sociais:

5 dicas de ouro para viajar com mala de mão

Aprender a viajar com mala de mão é um desafio recente na vida de quem viaja, isso porque há pouco tempo as regras aeroportuárias mudaram e desde então é preciso pagar para despachar bagagem. Se você ainda está com dificuldades de viajar com uma malinha de mão, leia esse post até o fim, pois hoje vou dar cinco dicas de ouro! Com elas sua viagem vai ficar bem mais tranquila e sem perrengues!

Eu amo viajar apenas com mala de mão! Na verdade isso já virou quase um vício e eu passei seis meses viajando pela Europa com apenas uma mochila e uma mala pequena! Então posso dizer com toda certeza de que é COMPLETAMENTE possível passar uns dias com uma mala de mão! Veja só esses truques:

1 - Tamanho e peso da mala

A primeira coisa que você precisa saber é o tamanho da sua mala. Isso porque a Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) determinou que as malas de bordo devem seguir um padrão e medir no máximo 55 cm x 35 cm x 25 cm (altura x largura x espessura). Se estiver em dúvida sobre o tamanho da mala que já possui, use a boa e velha fita métrica e não corra o risco de ter que despachar (e pagar) no momento do embarque.  Já o peso total da mala não pode ultrapassar 10kg. Porém, se sua viagem for internacional o recomendado é conferir as regras direto no site da companhia aérea.

2 - Temperatura e atividades

Para conseguir montar uma mala leve e funcional, pense com antecedência no seu roteiro e verifique o clima do destino da sua viagem. Ao planejar as atividades e entender as temperaturas você saberá exatamente o que precisará levar e assim não vai colocar coisas desnecessárias na mala.

3 - Necessaire

Também existe uma regra para os produtos líquidos, cremosos ou em gel. Caso sua necessaire não esteja de acordo com a legislação, você terá que jogar fora ou despachar os itens irregulares. 

Nos voos nacionais, a quantidade de líquidos na bagagem de mão não pode ultrapassar de 1,2 litro e cada frasco deve ter capacidade para - no máximo - 300 ml.

Já se o seu voo for internacional, a regra para transportar líquidos na mala de mão é bem rígida! De uma forma geral, os frascos devem ter capacidade máxima de 100ml e o limite permitido dentro da sua necessaire é de 10 frascos.

Além da quantidade máxima, todos os itens líquidos, cremosos ou em gel devem estar acondicionados em uma necessaire transparente para facilitar a inspeção dos agentes de fiscalização.

4 - Organização

Há alguns anos eu descobri os Cubos organizadores de mala e eles foram essenciais para eu conseguir viajar com mala de mão com tanta tranquilidade.

Esses cubos são pequenas bolsas superleves de nylon e com fechamento em zíper. A principal função deles é setorizar tudo o que você está levando, pois dessa forma você sabe exatamente cada coisa que está dentro da mala. Assim você não fica com uma peça sequer sem usar, já que tem acesso a tudo.

Com eles você sabe onde está cada item e não precisa revirar a mala inteira e assim ela permanece ORGANIZADA a viagem inteira! Eu uso esses aqui há anos e adoro!

5 - Checklist

Faça um checklist com tudo de mais importante para a sua viagem, seja ela nacional ou internacional. Passagens, reservas e documentos, até os itens mais óbvios podem ser esquecidos na correria do dia a dia. Aqui tem um modelo que utilizo em absolutamente todas as viagens que faço! É só clicar e imprimir!


DEIXE SEU COMENTÁRIO