• Diretor de Redação Ulysses Serra Netto
  • MS Record
  • Rede Record
KATIÚSCIA GUTTERRES

É advogada mas deixou o universo jurídico para se realizar profissionalmente no segmento publicitário. Criou o blog Madame Amélia que nasceu no Instagram, para uso pessoal. A plataforma traz dicas do universo feminino e doméstico. Seu trabalho é focado em praticidade e inspirações.

Minhas Redes Sociais:

10 erros comuns na hora lavar roupas!

Oi, geeente! Roupa suja se lava em casa... ou não. Há quem leve todas as peças para a lavanderia, que sabe exatamente como cuidar das nossas roupas. Masss, se você, assim como eu, lava em casa, bora se atentar para a forma correta de lavar as roupas nossas de cada dia!

Misturar roupas diferentes:

Seja por correria ou economia, é comum as pessoas misturarem roupas de cama, mesa e banho numa única lavagem. O ideal é separá-las! Os panos de prato e roupa de mesa podem conter farelo de comida, manchas ou resquícios de gordura que podem impregnar na fibra das toalhas, sem contar que necessitam de uma lavagem mais pesada que as roupas de cama e banho. Jeans com tecidos mais leves é outra mistura que deve ser evitada para que a aspereza do jeans não danifique peças de malha e tecidos fluidos. 

Não separar roupas brancas ou claras das coloridas:

Acho que esse é o erro mais cometido, pois até eu faço isso de vez em quando, com as roupas de ficar em casa! #mauexemplo kkk As roupas coloridas, principalmente as vermelhas e as pretas, podem soltar tinta nas brancas ou claras. Separar por grupos de cores ou tonalidades, evita roupas manchadas e desbotadas também, já que as brancas requerem uma lavagem mais pesada ou um produto específico! 

Lavar roupas com o zíper e os botões abertos:

Fechar os zíperes e os botões das peças de roupa evita que os mesmos estraguem, além de evitar que as peças se deformem por estarem abertas ou enrosquem em outras roupas danificando tecidos mais delicados! Ah, e já que estamos falando de jeans, vai uma dica extra: lavem calças e demais peças jeans do lado avesso para retardar o desbotamento. 

Não dar atenção para as instruções da etiqueta:

É muitooo importante se atentar às instruções da etiqueta das roupas, pois elas indicam a maneira correta de lavagem ou passagem. Existem tecidos que encolhem se ficar de molho ou forem passados à vapor, por exemplo! Já pensou?! Lavar aquele vestido novinho e ele encolher a ponto de ficar super curto? Isso já aconteceu comigo... Um vestido de viscose, desses pra usar em dias quentes, foi promovido a bata! kkk Encurtou demaisss! Culpa toda minha, pois tenho o hábito ERRADO de cortar as etiquetas! Esse erro eu cometo com frequencia! 

Abusar na quantidade de sabão ou amaciante:

Excesso de sabão não deixará sua roupa mais limpa, assim como o excesso de amaciante não a deixará mais macia ou super perfumada. Exagerar na dose, nesses casos, pode manchar suas roupas; desbotá-las mais rapidamente e ressecar as fibras do tecido. Amaciantes e sabões em pó ou líquido, uma medida descrita no rótulo que deve ser seguida. As máquinas de lavar também possuem indicação de quantidade de produto proporcional ao nível da água. Siga uma das opções e confie: o produto será suficiente! 

Lavar roupas íntimas na máquina:

As roupas íntimas, principalmente das femininas, são muito delicadas! Colocá-las na máquina desgasta o elástico das peças e danificam os detalhes! Lave-as na mão e com um sabão neutro, pois o sabão tradicional para lavagem de roupas contem corantes, fragrâncias e agentes químicos que podem causar alergias em nossos órgãos genitais. 

Lavar roupas delicadas ou de seda na máquina:

Peças delicadas exigem mais cuidado! Peças de seda, fibas naturais, com bordados ou muitos detalhezinhos estragam facilmente na máquina. Lave essas peças à mão e dê preferência por sabão neutro ou àqueles próprios para roupas delicadas!

Ah, e lembre-se de que essas peças devem ser espremidas em vez de torcidas.

Agora, se você for meeesmo lavar na máquina, minha dica é usar aqueles saquinhos de malha ou microtule, colocar somente uma peça por saquinho, lavar no modo delicado da sua máquina e não deixar centrifugar. Aí é só espremer e estender! 

Não verificar os bolsos:

Que atire o primeiro cofrinho quem nunca achou uma moeda ou uma cédula no fundo da máquina! E quem aí já encontrou fragmentos de papel grudado em várias peças? Aff... eu já! Bilhetes, chicletes, cartões de visita, dinheiro... Esvazie os bolsos antes de colocar as roupas para lavar na máquina ou à mão. 

Não fazer uma pré-lavagem:

Ei, foi-se o tempo em que as máquinas de lavar faziam todo o serviço sozinhas, viu?! Manchas de molho, gordura, graxa, barro... Enfim, sujeira grosseira raramente sai por completo no ciclo de lavagem da máquina. O ideal, é pré-lavar a peça, aplicando o sabão e/ou produto específico na mancha e esfregando à mão ou escova macia antes de levar para a máquina. 

Não se atentar para a temperatura da água:

Comprou uma máquina moderninha dessas que tem lavagem de água quente e agora dá-lhe quentura em todas as lavagens??? Errado! Existem tecidos que encolhem ou sofrem outros danos quando lavados em altas temperaturas. Sem contar que boa parte das manchas, se lavadas na água quente sem a pré-lavagem que falei anteriormente, em vez de saírem acabem impregnando de vez no tecido!

E aí, quais desses erros você comete??? Lembrou de algum outro erro comum? Me conte nos comentários...

Com amor,

Madame Amélia!


DEIXE SEU COMENTÁRIO