• Diretor de Redação Ulysses Serra Netto
  • MS Record
  • Rede Record
Campo Grande

Presidiário é encontrado morto dentro de cela da Gameleira

José Rocha Santana, de 62 anos, cumpria pena por tentativa de estupro de vulnerável desde o ano passado

(Foto: Arquivo/ Diário Digital)

José Rocha Santana, de 62 anos, foi encontrado morto em uma cela do Centro Penal Agroindustrial da Gameleira de regime semiaberto, no início da tarde desta sexta-feira (12), em Campo Grande. A causa da morte teria sido enforcamento.

José estava preso por tentativa de estupro de vulnerável na ala de risco, do Pavilhão D. Segundo o registro policial, internos que entregam as refeições na cela viram José pendurado por uma corda na hora do almoço e chamaram um agente.

O interno estava sozinho da cela e uma equipe de enfermagem do presídio o retirou da corda e colocou ao solo para os primeiros atendimentos. O Corpo de Bombeiros foi acionado, assim como Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), mas José não resistiu e morreu no local.

O caso foi registrado como morte a esclarecer na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Cepol.