• Diretor de Redação Ulysses Serra Netto
  • MS Record
  • Rede Record
Vacinação

AGU aponta erros em aplicação de vacina pediátrica em MS

Em MS os primeiros lotes da vacina pediátrica da Pfizer foram registrados como da Pfizer adulta

(Foto: Reprodução/Portal R7)

Dados divulgados pelo AGU (Advocacia-Geral da União) mostram que 57.147 crianças e adolescentes em todo o país foram imunizados com doses para adultos não autorizadas para aplicação em menores de 18 anos pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Os equívocos ocorreram em todas as unidades federativas inclusive em Mato Grosso do Sul.


Mato Grosso do Sul também teria cometido o erro, mas a Secretária Estadual de Saúde informou que o Ministério da Saúde também registrou os primeiros lotes da vacina pediátrica da Pfizer no Sistema do SI-PNI como vacina da Pfizer adulta. Portanto devido esse erro de registro do Ministério da Saúde algumas crianças de 05 a 11 anos que tomaram a vacina pediátrica da Pfizer aparecem no sistema como se tivessem tomado a vacina adulta.


A Secretaria de Estado de Saúde informou ainda que a responsabilidade de aplicação é dos municípios. Estes casos são inserções de informações erradas no sistema. Quando detectado é solicitado que o município faça a correção. O Programa Nacional de Imunização (PNI) informou que aumento o número de registros errados no sistema após os ataques hackers a plataforma do Ministério da Saúde.


Os municípios são orientados para quando ocorrer vacinação de crianças com a vacina errada, o município faz a devida notificação de erro, é realizado a avaliação do paciente e acompanhamento por médicos, é paralisado o esquema vacinal até ofertarem imunizante adequado.