Menu
14 de dezembro de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Mega Banner Pátio Central - Natal
Dourados

Vereador preso pelo Gaeco pede afastamento

Operação Cifra Negra do Gaeco investiga fraude em licitação e corrupção ativa e passiva

6 Dez2018Da redação18h14

O vereador Idenor Machado, preso na Operação Cifra Negra, na tarde desta quarta-feira (05) protocolou  pedido de afastamento na Câmara Municipal de Dourados. A presidente da casa de leis, vereadora Daniela Hall confirmou o fato. Outro pedido protocolado também hoje (06) na secretaria do órgão foi o de “posse imediata” por Maurício Lemes (PSB).

Conforme informado pela presidente, ambos os pedidos chegaram à secretaria já no final do expediente, o que tornou inviável que fossem despachados ainda nesta quinta-feira (06).

Idenor Machado pediu afastamento pelo período de 32 dias. De acordo com a presidente, no caso dele havia a possibilidade de pedido de afastamento de até 120 dias, “sem perda do cargo”, condições previstas em regimento interno. 

Maurício Lemes é o primeiro suplente da coligação 'Compromisso de Verdade', que tinha como candidato a prefeito nas eleições de 2016, Geraldo Resende (PSDB). Com a saída de Idenor, ele assume o cargo de vereador.  

(As informações são do site Dourados News)

Veja Também