Campo Grande •17 de Outubro de 2017  • Ano 6
OrganizaçãoIvan Paes BarbosaDiretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Full Banner FM Cidade

Da redação | Sábado, 1 de Outubro de 2016 - 13h15TRE-MS sorteia urnas que serão auditadas em votação paralelaMecanismo foi criado para comprovar a confiabilidade do sistema eletrônico

(Foto: Luciano Muta)

O Tribunal Regional Eleitoral do Mato Grosso do Sul (TRE-MS) realizou na manhã deste sábado (1), o sorteio das urnas eletrônicas que serão auditadas, na votação paralela, no primeiro turno das Eleições 2016.

Foram sorteadas 3 urnas, sendo: a seção 160, da 35ª Zona Eleitoral de Campo Grande; a seção 18, da 32ª Zona Eleitoral de Ribas do Rio Pardo; e a seção 41, da 40ª Zona Eleitoral de São Gabriel do Oeste. 

As urnas sorteadas, que já estão com carga oficial de votação e em posse dos respectivos presidentes de mesa, são substituídas por outras de reserva, que serão carregadas com os mesmos dados das urnas sorteadas.

Como ocorreu já nas últimas eleições, o TRE-MS contou com o apoio da Polícia Rodoviária Federal, no transporte com helicóptero das urnas do interior do Estado que foram sorteadas e são trazidas para a Capital.
 
Auditoria de funcionamento: O procedimento está entre os diversos mecanismos criados pela Justiça Eleitoral para comprovar a confiabilidade do sistema eletrônico de votação
 
A votação paralela é uma forma de auditoria de funcionamento das urnas eletrônicas, adotada por todos os TREs, e está entre os diversos mecanismos criados pela Justiça Eleitoral para comprovar a confiabilidade dos sistema eletrônico de votação.
 
O procedimento ocorre no domingo (2), mesmo dia e horário oficial da votação, sendo acompanhado por representantes de partidos políticos, da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/MS), do Ministério Público, além de fiscais que verificam a assinatura digital dos programas e o resumo digital. Em seguida, os participantes, antes de votar na urna eletrônica, revelam aos fiscais em quem votarão e registram sua escolha também em um terminal de apuração independente da urna.
 
Depois, é feita a comparação do resultado da votação revelado pelo participante com o resultado registrado no boletim de urna. O objetivo é mostrar que o que foi digitado no teclado da urna corresponde realmente à escolha do eleitor.

Veja Também
Por 44 a 26, Senado devolve mandato a Aécio Neves
Atendendo funcionários, deputados intermediam acordo entre Governo e JBS
Hospitais terão que comunicar delegacias sobre agressão física
Liminar impede expulsão de Tereza Cristina do PSB
Presidenciável, senador Álvaro Dias lança partido em MS
Funcionários da JBS temem não receber salários
STF determina que votação sobre afastamento de Aécio Neves será aberta
Terça, 17 de Outubro de 2017 - 10h54Reforma eleitoral abre espaço para propaganda paga em sites Tema levanta reflexões de especialistas na área de tecnologia e comunicação
Odilon de Oliveira quer iniciar debate com a sociedade
Campo-grandenses são multados em R$ 2,3 mil por captura e transporte pescado
Square banner notícias UCI
Vídeos
Últimas Notícias  
Diário Digital no Facebook
Rec banner - Patio central
DothNews
DothShop
© Copyright 2014 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
© Copyright 2017 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
 Plataforma Desenvolvimento