Menu
20 de abril de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Mega Banner ALMS - Parlamento Jovem
Poder Executivo

Rose assume governo e libera dinheiro para Marquinhos

Governador Reinaldo Azambuja vai desfrutar férias entre os dias 10 e 30 de janeiro

9 Jan2017Valdelice Bonifácio16h11

A partir desta terça-feira, dia 10 de janeiro, a vice-governadora Rose Modesto (PSDB) estará no comando do Governo de Mato Grosso do Sul. O titular Reinaldo Azambuja (PSDB) sai em férias. Rose terá a chefia do Poder Executivo Estadual entre os dias 10 e 30 de janeiro, período em que vai exercer a função de governadora em exercício.

No primeiro dia de atuação, Rose se reunirá com o prefeito de Campo Grande, Marquinhos Trad, para anunciar o valor do apoio financeiro que o Estado vai dar a prefeitura para tapar buracos de ruas e avenidas de cidade. A parceria foi firmada entre Reinaldo e Marcos na semana passada.

Este será o primeiro encontro público entre Rose e Marquinhos que se enfrentaram nas eleições municipais, na disputa pela prefeitura de Campo Grande. Marquinhos derrotou a tucana em segundo turno.

Compromissos - Entre os compromisso de Rose à frente do Executivo Estadual estão previstas reuniões e participações em eventos. A governadora deve se encontrar com a bancada federal para tratar da situação dos Estados; ir a Dourados para divulgar o novo modelo de escola integral; assinar a adesão de Mato Grosso do Sul ao Plano Nacional de Segurança Pública, em Brasília (DF), com o presidente Michel Temer; e prestigiar a abertura nacional da colheita de soja em Ponta Porã.

(Com informações da assessoria de imprensa do governo do Estado)

Veja Também

Cadastro biométrico não é obrigatório no interior para eleições 2018, diz TRE-MS
Servidor público terá falta abonada para ir à reunião escolar
TCE-MS encaminha projeto de reajuste salarial à Assembleia
Vereadores da Capital propõem parcelar imposto em até 12x
Aprovados em concurso da Agepen pedem apoio por convocação
Segunda instância rejeita último recurso de Lula no caso do triplex
STF aceita denúncia contra Aécio por corrupção e obstrução de Justiça
Vereadora promete provar que trocou de partido por justa causa
PSDB e MDB travam luta pelo DEM
STF retomará julgamento sobre restrição ao foro privilegiado no dia 2 de maio