Campo Grande •23 de Maio de 2017  • Ano 5
OrganizaçãoIvan Paes BarbosaDiretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Corrida de Outono patrocinadores

Agência Câmara | Segunda, 3 de Outubro de 2016 - 18h00Relatório revisa auxílio-doença e aposentadoria por invalidezTexto permite que aposentado por invalidez ou auxílio-doença seja convocado a qualquer momento para perícia médica

(Foto: Pedro França/Agência Senado)

O relatório sobre a Medida Provisória (MPV) 739/2016 será apresentado na terça-feira (4) à comissão mista encarregada de analisá-la. A MP determinou a revisão dos auxílios-doença e aposentadorias por invalidez.

O texto, editado pelo governo federal no início de julho, permite que o aposentado por invalidez ou auxílio-doença seja convocado a qualquer momento para a realização de perícia médica. Estabelece ainda que o auxílio-doença seja concedido com a previsão de seu termo final. Do contrário, terá duração de 120 dias, devendo sua prorrogação ser requerida pelo segurado. A medida institui ainda o Bônus Especial de Desempenho Institucional por Perícia Médica em Benefícios por Incapacidade, no valor de R$ 60, por perícia realizada em benefícios não periciados pelo INSS há mais de dois anos.

O objetivo da MP 739/2016, segundo o governo, é reduzir os benefícios por incapacidade que estão há mais de dois anos sem passar por perícia médica. O dispêndio anual do governo com os benefícios por incapacidade é de R$ 6,3 bilhões. Já a despesa com auxílio-doença chegou a R$ 23,2 bilhões em 2015, quase o dobro do gasto em 2005 (R$ 12,5 bilhões).

O deputado Pedro Fernandes (PTB-MA) é o relator da medida provisória, que recebeu 165 emendas e teve o prazo final de vigência prorrogado para 4 de novembro. A comissão mista é presidida pelo senador Garibaldi Alves Filho (PMDB-RN). A reunião começará às 14h30 na sala 3 da Ala Senador Alexandre Costa.

Veja Também
Lula é denunciado por corrupção e lavagem de dinheiro
Delcídio diz que foi interrogado pelo Departamento de Justiça dos EUA
Governador suspeita de vingança do JBS em delação
OAB pede acesso às delações sobre políticos de MS
Servidores pedem apuração sobre verba do MSPrev
Crise pode atrasar reforma da Previdência, diz Meirelles
Cintra diz que nota fiscal citada em delação é verdadeira
Guias e notas emitidas pela JBS comprovam relação comercial legal, diz secretário
Vereador pede investigação sobre denuncias da JBS em MS
Temer reúne ministros e base aliada e pede que Congresso trabalhe normalmente
Vídeos
Últimas Notícias  
Diário Digital no Facebook
DothShop
Rec banner - cirurgia.net
DothNews
© Copyright 2014 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
© Copyright 2017 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
 Plataforma Desenvolvimento