Menu
20 de abril de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Mega Banner ALMS - Parlamento Jovem
Reforma

Reinaldo Azambuja implanta nova estrutura

Decretos foram assinados na manhã de hoje e novos titulares empossados nas pastas

17 Mar2017Laureano Secundo11h16

O Governador Reinaldo Azambuja assinou agora de manhã decretos referentes à reforma Administrativa aprovada na semana passada pela Assembleia Legislativa. Foram nomeados os novos titulares das pastas que passaram por fusão e resultaram na redução de 13 para 10 secretarias. O projeto da reforma foi apresentada em fevereiro pelo governo, com a previsão de economizar R$ 134 milhões. Além da redução de secretarias, devem ser revisados os contratos e cortados cargos comissionados.

“O tamanho do Governo é o tamanho que nos ´permite cumprir dom as  obrigações”. Assim o governador Reinaldo Azambuja explicou como deverá funcionar a administração estadual a partir de agora com  nova estrutura mais enxuta. “A reforma corta na carne e fará com que o Estado seja mais eficiente e economize gastos”, disse o governador em discurso o chefe do Executivo Estadual ao justificar que desde o ajuste fiscal, em 2015. “Antes deste ano, a economia crescia mais que do que a inflação, mas hoje a situação é diferente”.

Além da Secretaria de Governo que terá como titular Eduardo Riedel que engloba dentre outras a Casa Civil outros assessores assume pastas que serão fundidas como  o caso do secretário da extinta Sepaf (Secretaria de Estado de Produção e Agricultura Familiar), Fernando Lamas, continuará coordenando os projetos da área na Semagro (Secretaria de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar).

Já a Secretaria de Cultura englobará uma série de subsecretarias, como racial, LGBT, indígenas e mulheres. Para o titular, Athayde Nery, cultura e cidadania têm de andar juntos, portanto, aprova e entende a mudança. Além destas áreas, a pasta também vai abranger a parte de Rádio e TV, enquanto Ciência e Tecnologia sai de sua competência para ficar com a Semagro.

Veja Também

Cadastro biométrico não é obrigatório no interior para eleições 2018, diz TRE-MS
Servidor público terá falta abonada para ir à reunião escolar
TCE-MS encaminha projeto de reajuste salarial à Assembleia
Vereadores da Capital propõem parcelar imposto em até 12x
Aprovados em concurso da Agepen pedem apoio por convocação
Segunda instância rejeita último recurso de Lula no caso do triplex
STF aceita denúncia contra Aécio por corrupção e obstrução de Justiça
Vereadora promete provar que trocou de partido por justa causa
PSDB e MDB travam luta pelo DEM
STF retomará julgamento sobre restrição ao foro privilegiado no dia 2 de maio