Menu
24 de maio de 2019 • Ano 8
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Super Banner TCE - Combate à corrupção
Eleições 2018

Simone Tebet confirma candidatura

Direção nacional impede candidatura de Harfouche que acaba vice na chapa do MDB

4 Ago2018Laureano Secundo11h45

A senadora Simone Tebet teve seu nome confirmado como candidata ao Governo do Estado e apresentou como principal surpresa o nome do procurador licenciado Sergio Harfouche (PSC) como seu companheiro de chapa. A escolha do vice obedeceu uma determinação da direção nacional do PSC que  impediu o procurador de  confirmar a sua candidatura ao Governo do estado como ele mesmo chegou anunciar em entrevista coletiva.

Além de Simone e Sérgio Harfouche também foi confirmado Waldemir Moka como candidato a reeleição  para o Senado e não havendo indicativo de que a chapa tenha um outro nome para disputar a outra vaga na senatoria. Hoje, na convenção do partido, que acontece na associação Nipo Brasileira, ela admitiu que até a manhã de ontem o candidato era Puccinelli.

Já as chapas para a Câmara Federal ainda deverá ser confirmada  hanvendo a possibilidade de confirmação do nome do ex-governador André Puccinelli para concorrer a uma vaga na Câmara Federal.

Simone Tebet disse que o seu nome para disputar o Governo só foi confirmado na manhã de ontem quando André Puccinelli disse a ela que não mais qualquer possibilidade de vir a disputar a eleição para o Governo do Estado.  Ela considerou Sérgio Harfouche como é um bom nome, e traz o segmento evangélico.

Veja Também

Moro lamenta retorno do Coaf ao Ministério da Economia
Areia em lago do Parque das Nações lotará 21 mil caminhões
Candidata que recebeu R$ 761 mil e obteve 491 votos é investigada
Audiência debate reforma da Previdência na Câmara da Capital
Após reforma da Previdência governo quer avançar em privatizações
Projeto de Lei regulamenta a profissão de instrutor de trânsito
Vereador propõe que atletas usem milhas aéreas de políticos
Guedes prevê enxurrada de 'notícias boas' após reforma
Reduzir imposto para combater contrabando de cigarros é ilusão, diz Simone
Empresário tem que ter liberdade para demitir, diz senadora de MS