Menu
19 de maio de 2019 • Ano 8
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Loa

Lei Orçamentária para 2019 recebe 410 emendas

Votação está programada para ir a apreciação plenário na próxima semana

8 Dez2018Da redação13h02

A Lei Orçamentária Anual de Campo Grande para 2019 já recebeu 410 emendas elaboradas pelos vereadores, as quais estão sendo analisadas pelo vereador Eduardo Romero, relator da proposta. O tema Urbanismo foi o campeão de emendas apresentadas, seguido por Transporte, Educação, Desporte e Lazer, Saúde. Há ainda sugestões relacionadas a Assistência Social, Cultural, Gestão Ambiental, Segurança, Cidadania, Agricultura, Administração, Comércio e Serviço, além de Habitação. A previsão, segundo Romero, é que o relatório seja entregue no começo de dezembro. "Estamos nos debruçando na análise técnica e jurídica", afirmou o vereador Eduardo Romero. 

O vereador Prof. João Rocha, presidente da Casa de Leis, disse que a Câmara tem até o dia 20 dezembro, última sessão ordinária do ano, para colocar a proposta em votação, mas antes disso o relatório já será pautado para discussão e votação. "Tivemos as emendas dos vereadores e as sugestões tiradas da Audiência Pública, com participação de mais de 100 pessoas. O cidadão está vindo para a Câmara, sentindo a importância de estar conosco para fazer o melhor pela cidade", destacou. 

O Projeto de Lei 9.087/2018, que estima receita e fixa despesa do Município de Campo Grande para o exercício financeiro do próximo ano, começou a tramitar na Câmara no dia 28 de setembro. Costa no projeto a estimativa de R$ 4.008.320,000,00 (quatro bilhões, oito milhões, trezentos e vinte mil reais) para o exercício de 2019, crescimento de 8,26% em relação a esse ano. 

 

 

Veja Também

Reduzir imposto para combater contrabando de cigarros é ilusão, diz Simone
Empresário tem que ter liberdade para demitir, diz senadora de MS
Deputado assume função de coletor de lixo na Capital
Três comissões do Senado discutem impacto ambiental em Bonito
Bolsonaro recebe prêmio nos EUA e diz que ser presidente foi
Projeto prevê materiais biodegradáveis a copos e canudos em MS
Audiência debate ações de combate à exploração sexual
Dagoberto é eleito vice-presidente da Comissão Mista de Orçamento
Justiça autoriza bloqueio de R$ 196 milhões de Cabral e Eike
Bolsonaro se encontra com Bush