Menu
16 de julho de 2019 • Ano 8
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Caso Omep e Seleta

Nelsinho Trad é absolvido da acusação de improbidade

Ação agora prosseguirá somente contra outros dois ex-prefeitos, Alcides Bernal e Gilmar Olarte

14 Mai2019Da redação19h37

O senador Nelson Trad Filho foi absolvido pela 3ª Câmara Cível do TJMS das acusações de improbidade administrativa relativas a supostas irregularidades que teria praticado nos convênios com a Organização Mundial para Educação Pré-Escolar (Omep) e Sociedade Caritativa e Humanitária (Seleta) quando exerceu o mandato de prefeito de Campo Grande.

O resultado do julgamento, proferido na quarta-feira passada, 8 de maio, ainda não foi publicado no Diário da Justiça. O Ministério Público Estadual, autor da ação, apontava a existência de ato de improbidade administrativa ao ex-prefeito por ter descumprido Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) firmado em 2011.

De acordo com o advogado Edson Kohl Júnior, da Kohl Advogados, “nos autos demonstramos que o prazo para cumprimento do acordo firmado com o MP acabaria no decorrer das futuras gestões. O que cabia ao então prefeito Nelson Trad Filho foi efetivamente cumprido e comprovamos ainda que à época da sua gestão não foi praticada qualquer irregularidade nos convênios firmados com Omep e Seleta”.

No julgamento realizado pela 3ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça, somente o desembargador Paulo Alberto de Oliveira votou pelo prosseguimento da ação. Os demais desembargadores, que julgaram procedentes os pedidos do ex-prefeito, reconheceram a veracidade dos argumentos da defesa, impedindo o recebimento da denúncia contra o atual senador.

Kohl Júnior esclareceu que com a decisão, a ação que corria contra Nelson Trad Filho, Alcides Bernal e Gilmar Olarte prosseguirá somente contra os dois último gestores para averiguar a existência de irregularidades na execução dos convênios firmados com a Omep e Seleta. O Ministério Público pode recorrer da decisão.

 

Veja Também

Mourão defende reforma política após a conclusão da Previdência
Brasil assume a presidência pró-tempore do Mercosul
Câmara reduz idade mínima de aposentadoria para professores
Mulheres terão aposentadoria integral cinco anos antes dos homens
Bolsonaro afirma pode indicar seu filho como embaixador
Governador entrega cobertores para os 79 municípios nesta quinta
Governo recorre de liminar que suspendeu jornada de 8h
Câmara aprova texto-base da reforma da Previdência
Líder da maioria confirma acordo para aposentadoria de policiais
Bolsonaro diz que indicará evangélico para Supremo Tribunal Federal