Campo Grande •17 de Dezembro de 2017  • Ano 6
OrganizaçãoIvan Paes BarbosaDiretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Full banner 1 Governo do estado - Campanha Mudança educação

Da redação | Sábado, 3 de Junho de 2017 - 16h39Município de Tacuru volta às urnas neste domingoCerca de 7 mil eleitores escolherão novo prefeito; dois nomes disputam o cargo

(Foto: Divulgação/Facebook)

Os mais de sete mil eleitores do município sul-mato-grossense de Tacuru retornarão às urnas neste domingo,  4 de junho, para escolherem os novos prefeito e vice-prefeito da cidade. O novo pleito ocorrerá porque a chapa mais votada nas Eleições Municipais de 2016 teve o registro negado pela Justiça Eleitoral.

Nesta nova eleição, a prefeitura está sendo disputada por Paulo Sérgio de Lopes Mello (PP), ex-presidente da Câmara de Vereadores e prefeito interino do município, e Carlos Alberto Pelegrini (PMDB).  O vencedor será diplomado em, no máximo, até 24 de junho, conforme resolução do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-MS).

Claudio Rocha Barcelos e Adailton de Oliveira, candidatos a prefeito e vice, respectivamente, obtiveram o maior número de votos em outubro do ano passado (2.737 votos). Todavia, a chapa concorreu com o pedido de registro de candidatura indeferido com recurso e os votos recebidos foram totalizados como nulos.

E em abril deste ano, o Tribunal Superior Eleitoral manteve o indeferimento do registro de candidatura de Adailton de Oliveira, ao cargo de vice-prefeito, por ter sido condenado pela prática de captação ilícita de sufrágio.

Além de Tacuru, as novas eleições serão realizadas em outras cinco cidades nos estados de Minas Gerais, Paraná, Pará e Tocantins.

Eleitor - O eleitor que deixar de votar poderá justificar a sua ausência no prazo de 60 (sessenta) dias, por meio de requerimento a ser apresentado em qualquer Zona Eleitoral. O eleitor que deixar de votar e não se justificar na forma e nos prazos previstos estará sujeito à multa imposta pelo Juiz Eleitoral.

Vale ainda ressaltar que é proibido ao eleitor portar, no recinto da cabina de votação, aparelhos celulares, máquinas fotográficas, filmadoras, equipamento de radiocomunicação ou qualquer outro aparelho do gênero.

Veja Também
Temer garante que a reforma da previdência será aprovada em 2018
Assembleia Legislativa cria Programa de Gestão Documental
Para Gilmar Mendes, restrição do foro privilegiado é um equívoco
Fábio Trad aguarda convocação para retornar à Câmara
Marun assume Secretaria e abre mão de reeleição
Edição explicada da Constituição do Estado é lançada na Capital
Ministro diz ter convicção de que Reforma da Previdência será aprovada
Calçadão do Estrela do Sul será inaugurado neste sábado
Senador de MS vai relatar Reforma do Código Comercial
Posse de Marun acontece nesta tarde em Brasília
Square banner notícias UCI
Vídeos
Últimas Notícias  
Diário Digital no Facebook
Rec banner - Patio central
DothShop
DothNews
© Copyright 2014 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
© Copyright 2017 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
 Plataforma Desenvolvimento