Menu
21 de maio de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Mega banner ALMS - AUDIÊNCIA PÚBLICA
Eleições 2016

Marquinhos Trad é eleito prefeito de Campo Grande

Com 98,98% das urnas apuradas, deputado estadual obteve 239.228 votos ou 58,76%

30 Out2016Valdelice Bonifácio e Mariel Coelho, especial para o Diário Digital17h54

O deputado estadual Marquinhos Trad (PSD) foi eleito prefeito de Campo Grande na votação realizada neste domingo, 30 de outubro. Ele disputou o segundo turno com a vice-governadora Roseane Modesto (PSDB). Com 98,98% das urnas apuradas, Marquinhos aparece com 239.228 votos ou 58,76% dos votos válidos. Sua adversária tem 167.878, ou 41,24% dos votos válidos.

O sistema de apuração online do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) aponta para uma abstenção de 131.398 eleitores, que não comparecem às urnas, ou 22,32% do eleitorado da Capital. Houve ainda o registro de 13.883 votos em branco (3,04%) e 36.382 nulos (7,95%).

O candidato vitorioso nas eleições deste domingo encabeçou a coligação Sempre com a Gente, união entre o PSD/PEN/PHS/DEM/PTdoB/PMN/PTB e PPL. Sua vice é Adriane Lopes (PEN).

No primeiro turno, Marquinhos obteve 147. 694 votos, ou 34,57 % do total. Nesta segunda da disputa, ele conquistou apoio do prefeito Alcides Bernal (PP), terceiro colocado no primeiro turno, além de outros nomes que concorreram nesta eleição como Aroldo Figueiró (PTN), Adalton Garcia (PRTB), Elizeu Amarilha (PSDC)  e Lauro Davi (PROS). 

Marquinhos é advogado e professor universitário, além de deputado estadual em terceiro mandato. Ele estreou na política em 2004, quando foi eleito vereador. Foi secretário municipal de Assuntos Fundiários na gestão do então prefeito André Puccinelli. Em 2014, foi eleito pelo PMDB para o seu terceiro mandato de deputado estadual, mas migrou para o PSD neste ano.

Veja Também