Menu
14 de dezembro de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Mega Banner Pátio Central - Natal
Política

Lucas de Lima é eleito presidente do Solidariedade

Deputado estadual eleito vai comandar a legenda na Capital pelos próximos dois anos

7 Dez2018Da redação15h34

O deputado estadual eleito Lucas de Lima foi escolhido por aclamação para presidir o partido Solidariedade de Campo Grande. Outros 20 membros da diretoria da legenda foram escolhidos na ocasião.

O evento aconteceu na quinta-feira, 6 de dezembro, no auditório do Hotel Valle Verde. Militantes e lideranças compareceram, como o deputado estadual reeleito Herculano Borges e o  presidente estadual Idelmar da Mota.

A nova diretoria tem mandato de dois anos e o presidente eleito Lucas de Lima, substitui o ex-presidente Epaminondas Neto, o vereador Papy.

Eleito por unanimidade durante a convenção, Lucas reiterou o compromisso de continuar com o crescimento do partido Solidariedade, que foi uma das siglas que mais se destacaram nas últimas eleições nacionais. "O Solidariedade é um partido que tem como característica a participação intensiva de todos os seus membros nas decisões mais importantes. "

Para assumir a vaga na Assembleia Legislativa, Lucas de Lima deixará a Câmara Municipal de Campo Grande, onde exerce o primeiro mandato como vereador. No lugar dele assume Drº Eduardo Cury.

Lucas de Lima -  Radialista há 30 anos, Lucas de Lima é líder absoluto de audiência em programas como o Amor Sem Fim, Show da Manhã e Refazenda, todos na Rádio FM 97,9. Aos 49 anos, Lucas de Lima é empresário de eventos culturais e comerciante. 

Natural de São Martinho D’Oeste, interior de São Paulo, veio para o Mato Grosso do Sul com apenas 5 anos, para Bandeirantes. Depois, mudou-se para Sidrolândia e aos 18 anos veio em definitivo para Campo Grande.
Bacharel em Direito, luta por leis e projetos que favoreçam as pessoas de baixa renda.

Com 4.256 votos, foi eleito o sexto vereador mais votado em Campo Grande.  Em 2018 foi candidato a Deputado Estadual onde foi eleito com 12.391 votos, sendo o único vereador da Câmara Municipal que conquistou a vaga na assembléia Legislativa.

Veja Também

Política Tribunal diploma 40 eleitos em solenidade na Capital Diplomação atesta que candidato foi eleito pelo povo e, por isso, está apto a tomar posse no cargo
MPF oferece 27 denúncias à Justiça por fraudes na lei Rouanet
Caso Battisti é assunto do Judiciário, e não de política, diz general
Há 50 anos, AI-5 suspendia direitos políticos no País
Governador doará metade do salário para entidades assistenciais
Ministro do Trabalho em exercício é suspenso após operação da PF
Azambuja entrega propostas de segurança ao País a Sérgio Moro
Cantores sertanejos homenageiam Bolsonaro em Brasília
Futura ministra defende aprovação do Estatuto do Nascituro
Refis estadual segue para sanção do governador