Menu
16 de fevereiro de 2019 • Ano 8
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Nacional

Justiça absolve Delcídio, Lula e mais cinco

Todos eram acusados pelo Ministério Público pelo crime de obstrução de Justiça

12 Jul2018Rádio Agência Nacional18h30

A décima Vara da Justiça Federal em Brasília absolveu nesta quinta-feira o ex-senador Delcídio do Amaral, o ex-presidente Lula e mais cinco réus. Todos eram acusados pelo Ministério Público pelo crime de obstrução de Justiça. Pela denúncia, eles teriam tentado impedir que Nestor Cerveró, ex-diretor da Petrobras, fizesse delação premiada no âmbito da Operação Lava Jato.

Em sua decisão, o juiz Luís Augusto Soares Leite menciona que os depoimentos, gravações de conversas e demais elementos do processo não comprovaram que os réus ofereceram dinheiro para a família de Nestor Cerveró em troca do silêncio do ex-diretor da Petrobras.

O juiz observa, inclusive, que a coação pode ter ocorrido por parte da família Cerveró. O Ministério Público já tinha se manifestado pedindo o arquivamento da denúncia contra Lula.

A denúncia teve origem na delação premiada do ex-diretor da Petrobras e, em 2015, gerou a prisão do então senador Delcídio e de seu chefe de gabinete no Senado, Diogo Ferreira, também absolvido nesta terça-feira.

A defesa de Delcídio do Amaral afirma que sentença foi coerente com o que foi produzido durante a investigação, menciona que o caso foi uma montagem e lamenta que tenha levado à cassação do mandato do ex-senador. O Ministério Público ainda não foi notificado da decisão e por isso não se manifestou

Em nota, a defesa de Lula afirma que sempre demonstrou que a acusação se baseou em versão criada por Delcídio do Amaral para obter benefícios em acordo firmado com o Ministério Público Federal.

Além disso, afirma que a absolvição evidencia o caráter ilegítimo das decisões que condenaram Lula no caso do tríplex, já que a Justiça de Curitiba deu valor absoluto ao depoimento de um corréu e delator informal para condenar Lula.

Veja Também

MEC instala lava jato da educação, diz Bolsonaro
Bolsonaro retorna ao Planalto na próxima semana, diz Alcolumbre
Deputado quer estudar formas de reduzir impostos na energia
Projeto de lei prevê indenização às vítimas de acidentes de mineradoras
Ministra defende produção em larga escala nas aldeias
Governo fixa idade mínima de 65 anos para homens e 62 para mulheres
Aplicativo de acompanhamento do trabalho parlamentar é lançado
Lidio Lopes fala sobre desafio de presidir a CCJ
Bolsonaro “bate o martelo” sobre reforma da Previdência hoje
Nelsinho assume presidência da Comissão de Relações Exteriores