Menu
25 de setembro de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Mega Banner Victor Center
Poder Legislativo

Governo quer prorrogar mandatos de diretores das escolas

Projeto de lei de autoria do Poder Executivo foi enviado à Assembleia Legislativa

11 Jul2018Da redação16h35

O mandato dos diretores das escolas públicas da rede estadual de Mato Grosso do Sul pode ser prorrogado por mais um ano. É o que estabelece o Projeto de Lei 152/2018, de autoria do Executivo, encaminhado, nesta terça-feira (10), à Assembleia Legislativa. 

A principal alegação é o período eleitoral neste ano que, segundo o governo, dificulta a execução de despesas. Além disso, o governo cita que há políticas públicas em andamento, assim seria mais conveniente que os atuais dirigentes permanecessem na função. 

O Projeto 152 altera a redação da Lei 3.479, de 20 de dezembro de 2007, que dispõe sobre o processo eletivo de dirigentes escolares da Rede Estadual de Ensino. A matéria propõe que o mandato dos atuais diretores e diretores-adjuntos, eleitos para os triênios de 1º de janeiro de 2016 a 31 de dezembro de 2018 e de 1º de julho de 2016 a 30 de junho de 2019, seja prorrogado até o dia 31 de dezembro de 2019. A proposta detalha que o diretor interessado deverá manifestar a opção expressa em até três meses antes de findar a gestão.

O projeto de lei vai tramitar pelas comissões da Casa de Leis e ainda não tem data para ser votado em plenário.

Veja Também

Reinaldo tem 40% e Odilon 29%, diz Ibope
Polaco volta ao Pará e descarta delação
TSE permite que deputado condenado retome campanha
Rede MS encerra rodada de entrevistas
Em rede social, Puccinelli pede votos para Mochi, Moka e Delcídio
Redes sociais ‘guiam’ opinião do brasileiro nas eleições, indicam especialistas
TSE disponibilizará aplicativo que mostra apuração em tempo real
Bolsonaro recebe alta de UTI semi-intensiva em hospital de São Paulo
Pela primeira vez, Toffoli assumirá a Presidência no lugar de Temer
A partir deste sábado, candidatos só podem ser presos em flagrante