Menu
22 de abril de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Eleições 2016

Fora da disputa pela prefeitura, Bernal já pensa em 2018

'Vamos terminar o nosso mandato com a cabeça erguida', diz prefeito

2 Out2016Valdelice Bonifácio22h30

Fora da disputa pela prefeitura de Campo Grande, o prefeito Alcides Bernal (PP) já pensa nas eleições gerais  de 2018, segundo deixou transparecer em mensagem postada em seu perfil no Facebook. Nas eleições deste domingo, 2 de outubro, ele foi o terceiro colocado na disputa que colocou Marquinhos Trad (PSD) e Roseane Modesto (PSDB) no segundo turno.

"Não vamos nos deixar abater, vamos terminar o nosso mandato com a cabeça erguida e a determinação de continuar fazendo o melhor pelas pessoas. Vamos à luta, até 2018!", postou.

Com isso, o prefeito sinaliza que disputará cargo público nas próximas eleições. Antes de se eleger prefeito, ele era deputado estadual. Nas eleições gerais são disputados os cargos de governador, vice-governador, senador, deputado federal e deputado estadual, além de presidente da República e vice no plano nacional.

Na rede social, ele também agradeceu o eleitorado e comentou a pequena diferença de votos entre ele e Rose Modesto. "Chegamos ao final da nossa caminhada, não com o resultado esperado,  mas com a imensa alegria de saber que mais de 111 mil pessoas votaram em nosso projeto. A diferença de apenas 2.600 votos nos leva a uma reflexão: é preciso  fazer algumas mudanças nas regras eleitorais", escreveu sem detalhar que mudanças poderiam ser feitas.

Rose obteve 113.738 votos ou 26,62% do total. Bernal teve 111.128 votos (26,01%). O primeiro colocado na disputa foi Marquinhos Trad com 147.694 votos ou 34,57 % do total.  O segundo turno das eleições será realizado no dia 30, no último domingo do mês de outubro.

Veja Também

Comissão da Assembleia recebe relatórios de gestão fiscal dos Poderes
PMA multa pescadores presos pela Polícia Civil por pesca predatória
MPF cobra R$ 22 milhões de Puccinelli e ex-secretários
LDO terá audiência pública dia 27
Cadastro biométrico não é obrigatório no interior para eleições 2018, diz TRE-MS
Servidor público terá falta abonada para ir à reunião escolar
TCE-MS encaminha projeto de reajuste salarial à Assembleia
Vereadores da Capital propõem parcelar imposto em até 12x
Aprovados em concurso da Agepen pedem apoio por convocação
Segunda instância rejeita último recurso de Lula no caso do triplex