Campo Grande •23 de Junho de 2017  • Ano 6
OrganizaçãoIvan Paes BarbosaDiretor de RedaçãoUlysses Serra Neto

Da redação | Quinta, 16 de Fevereiro de 2017 - 10h31Equipe da área de segurança pública de MS conhece sistema de inteligência de MTObjetivo do encontro é discutir ações conjuntas que estão sendo realizadas pelos três estados

(Foto: Divulgação)

Nos dias 16 e 17 de fevereiro, uma equipe composta por sete integrantes da área de inteligência da Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública de Mato Grosso do Sul (Sejusp), participam no estado de Mato Grosso do Encontro de Inteligência Integrada de Fronteira.  A ação é resultado da reunião realizada no final do mês de Janeiro, em Campo Grande, que contou com a participação dos secretários de segurança pública de MS, MT e PR. O objetivo do encontro é discutir ações conjuntas que estão sendo realizadas pelos três estados, em relação à repressão ao tráfico de drogas e as facções criminosas.

Na quinta-feira (16), a equipe da área de inteligência da Agência de Administração do Sistema Penitenciário (Agepen) fará uma apresentação das facções que atuam no Estado e a equipe da Delegacia de Repressão ao Narcotráfico (DENAR), falará das peculiaridades quanto ao tráfico de drogas. Já o Mato Grosso fará uma exposição de uma ferramenta que eles desenvolveram e logo depois, MS e PR irão demonstrar como atuam neste segmento.

No dia 17 será feita uma visita técnica as cidades de Cáceres e Porto Esperidião. Pela manhã as equipes devem conhecer o trabalho realizado pela Delegacia Especial de Fronteira (DEFRON), localizada em Cáceres, e em seguida embarcam para Porto Esperidião, onde visitarão Grupo Especial de Segurança na Fronteira (GEFRON), para conhecerem um projeto desenvolvido com cães, o núcleo de inteligência e o planejamento para realização de operações integradas.

A ideia que ficou definida durante o primeiro encontro  que aconteceu no mês passado, é que os estados utilizem um banco de dados já implantado em Mato Grosso, para gerenciar informações entre eles. Com a instalação da plataforma, informações sobre crimes ocorridos no Paraná poderão ser acessadas pelas policias de Mato Grosso do Sul e Mato Grosso, por exemplo. “MT atualmente possui um sistema chamado S3i, que é de integração de banco de dados. A proposta é compartilhar esse sistema. A partir daí teremos um ganho de estrutura de informações. Isso pode ser feito de forma imediata e sem custo”, destacou o secretário José Carlos Barbosa.

O que está sendo buscado pelos estados diante do momento em que o país vive conforme o secretário de Justiça e Segurança Pública de Mato Grosso do Sul, é sair de uma posição reativa para uma proativa, uma vez que os três estados possuem características semelhantes, uma delas é a localização na região de fronteira. “Tenho certeza que teremos um ganho imediato com essa integração, pois a partir daí teremos ações concretas das policiais trabalhando em conjunto. Estamos nos antecipando ao Plano Nacional de Segurança Pública, que tem como medida a ser adotada a integração as forças policiais estaduais e federais, por meio dos Núcleos de Inteligência”, explicou.

Segundo Barbosa, a data da próxima reunião para apresentar os resultados concretos desta parceria também foi definida. “No dia 20 de março voltaremos a nos reunir em Mato Grosso do Sul, para apresentarmos os resultados práticos das ações que iremos implementar”, finalizou.

Veja Também
Cosip: 'Me encontrem uma maneira para não cobrar'
MPE recomenda a prefeito que regularize prática de nepotismo
Maioria do STF confirma delações da JBS e Fachin relator
Juiz suspende verbas indenizatórias a vereadores da Capital
Bernal recorrerá da decisão do TCE sobre lâmpadas de LED
TCE mantém suspensa compra de lâmpadas de LED
Dois ministros votam contra revisão de delação pedida por Reinaldo
Governo e JBS têm 5 dias para entregar documentos
Quarta, 21 de Junho de 2017 - 10h30Henrique Alves e Eduardo Cunha são denunciados pelo MPF no Rio Grande do Norte Ex-parlamentares são acusados de receber pelo menos R$ 11,5 milhões em propinas de empreiteiras
Quarta, 21 de Junho de 2017 - 09h37Envolvido no caso Odebrecht, controlador-geral do Equador renuncia Anúncio sobre a saída de Pólit foi feito pelo presidente da Assembleia Nacional (Parlamento), o governista José Serrano, no...
Vídeos
Últimas Notícias  
Diário Digital no Facebook
DothNews
DothShop
Rec banner - Patio central
© Copyright 2014 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
© Copyright 2017 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
 Plataforma Desenvolvimento