Campo Grande •18 de Fevereiro de 2018  • Ano 7
OrganizaçãoIvan Paes BarbosaDiretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Full Banner Águas Guariroba - Campanha Águas Faz Mais

Da redação | Segunda, 26 de Setembro de 2016 - 16h52Eleitor indígena não poderá utilizar Registro da Funai para votarRegistro Administrativo não é considerado documento oficial, segundo TSE

(Foto: Divulgação/TSE)

Tendo em vista a proximidade das eleições para escolha de Prefeito, Vice-Prefeito e Vereadores, que serão realizadas no dia 02 de outubro, o TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul), informa que o Registro Administrativo de Nascimento Indígena (RANI) não será aceito como documento de identidade oficial para a votação do eleitor indígena.
 
De acordo com o Artigo 46, § 3º da Resolução TSE, são documentos oficiais para comprovação da identidade do eleitor: carteira de identidade, passaporte ou outro documento oficial com foto, de valor legal equivalente, inclusive carteira de categoria profissional reconhecida por lei; certificado de reservista; carteira de trabalho; carteira nacional de habilitação.
 
Mato Grosso do Sul possui 124 seções eleitorais localizadas em aldeias indígenas.

Veja Também
Proposta do Governo corrige subsídios para delegados
Tereza Cristina assume presidência da Frente Parlamentar da Agropecuária
TJ concede efeito suspensivo e libera salário do vereador Lucas Lima
Puccinelli leva evento do MDB a Naviraí e Nova Andradina
Debate sobre reforma da Previdência começa na terça, diz Marun
Prefeitos aguardam R$ 2 bi de Temer
A igreja e a superação da violência
Para Reinaldo, Wilson Martins foi um ícone da história política do MS
Autoridades e amigos velam ex-governador na Capital
Relatório sobre teto remuneratório no serviço público será entregue em março
Square notícia uci
Vídeos
Diário Digital no Facebook
DothNews
DothShop
Rec banner - Patio central
© Copyright 2014 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
© Copyright 2018 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
 Plataforma Desenvolvimento