Menu
29 de maio de 2020 • Ano 9
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Câmara Federal

CPI para investigar tragédia de Brumadinho será instalada na terça-feira

Rompimento ocorrido em janeiro causou a morte 228 pessoas, outras 49 permanecem desaparecidas

21 Abr2019Agência Câmara17h33

Será instalada na próxima terça-feira (23), às 14h30, a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que investigará as causas e os responsáveis pelo rompimento da barragem da mineradora Vale em Brumadinho (MG). Na reunião, deverão ser escolhidos o presidente, o vice-presidente e o relator do colegiado.

A CPI foi sugerida pelos deputados Joice Hasselmann (PSL-SP), Carlos Sampaio (PSDB-SP) e Sóstenes Cavalcante (DEM-RJ); e o despacho que autoriza sua instalação, assinado pelo presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, foi lido em Plenário na terça-feira passada (16).

A comissão será composta por 43 integrantes titulares, com igual número de suplentes, e funcionará inicialmente por 120 dias.

Histórico - O rompimento da barragem ocorreu no dia 25 de janeiro e causou a morte de 228 pessoas. Segundo a Defesa Civil de Minas Gerais, 49 pessoas continuam desaparecidas.

Os deputados devem propor mudanças na política de segurança de barragens com o objetivo de aprimorar as regras gerais para construção e desativação de áreas de rejeitos de mineração. Uma comissão externa para acompanhar o caso já está em funcionamento.

Veja Também

Ação contra fake news é para censurar mídias sociais, diz Bolsonaro
Projeto de Lei suspende restrição do CPF por dívidas de IPVA
Governo impõe quarentena remunerada a Mandetta
Proposta isenta comerciantes e motoristas de multas aplicadas na pandemia
Projeto suspende juros e multas aos mutuários da EMHA na pandemia
Festa da padroeira de Aquidauana entra para Calendário Oficial de MS
Assembleia prorroga medidas de prevenção à Covid-19
Projeto sugere punir quem divulgar fake news
Senador de MS lança campanha 'Compre Daqui' em redes sociais
Regina Duarte deixa Secretaria de Cultura