Menu
5 de abril de 2020 • Ano 9
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Netto
Energisa

Com Assembleia fechada, prazos da CPI estão suspensos

Medidores sorteados já foram recolhidos para perícia que será feita em SP

24 Mar2020Da redação16h39

Integrantes da CPI da Energisa deliberaram a suspensão dos prazos para conclusão das investigações sobre eventuais irregularidades nas contas de energia elétrica no Estado. A decisão foi anunciada após a Mesa Diretora da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul (ALEMS) determinar o fechamento da Casa de Leis por 15 dias, devido ao aumento dos casos de contágio pelo coronavírus (Covid-19) em MS. 

“Suspenso por 15 dias os trabalhos, consequentemente com toda a Assembleia fechada, suspendem-se também os prazos da CPI e outras comissões”, justificou o presidente da Comissão, deputado Felipe Orro (PSDB). O parlamentar também explicou que apesar de os prazos estarem suspensos por 15 dias, os trabalhos administrativos da CPI continuam. “Nosso relator já tinha uma programação apresentada e nós vamos seguir essa programação”, disse.

Na semana passada foi feita a retirada dos relógios nas casas dos consumidores sorteados. Os equipamentos passarão por perícia na Universidade de São Paulo (USP), campus de São Carlos. “A partir daí haverá transporte para a universidade que dará início à análise. Tudo isso enquanto a Assembleia cumpre a determinação de hoje sobre a suspensão de 15 dias. Então o fato de a Assembleia não funcionar, não afeta os trabalhos que acontecem externamente à Casa”, reforçou Contar.

(Fonte: Assessoria de Imprensa da Assembleia Legislativa)

Veja Também