Menu
25 de maio de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Mega banner ALMS - AUDIÊNCIA PÚBLICA
Interior

Cidade de Tacuru terá nova eleição para prefeito e vice

Pleito suplementar será realizado no dia 4 de junho, conforme decisão do TRE-MS

18 Abr2017Valdelice Bonifácio15h35

O município de Tacuru localizado no sudoeste de Mato Grosso do Sul terá novas eleições para prefeito e vice-prefeito no dia 4 de junho de 2017. A decisão foi tomada em sessão plenária do Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul (TRE-MS) que aprovou a Resolução nº 593/2017, que estabelece instruções e o calendário eleitoral para a Eleição Suplementar aos cargos de prefeito e vice-prefeito.

No início do ano, a Justiça Eleitoral impediu a posse do prefeito eleito Cláudio Rocha Barcelos e do vice Adailton de Oliveira. Os dois obtiveram 2.737 votos nas eleições do ano passado, porém não puderam assumir as funções em razão de problemas na candidatura do vice.

Além de Tacuru, eleições suplementares também poderão ser realizadas em outras quatro cidades, cujo resultado do pleito de 2016 também encontra-se subjudice, são elas: Fátima do Sul, Nova Andradina, Aparecida do Taboado e Caarapó. 

Tacuru - Tacuru faz parte da 25ª Zona Eleitoral e possui atualmente 7.118 eleitores, que votam em 22 seções eleitorais. Claudio e Adalton tiveram chapa impugnada e não foram nem diplomados. Cláudio Rocha moveu recursos na Justiça, mas não conseguiu reverter a situação.

Conforme o TRE-MS, na data da eleição a chapa composta por Claudio e Adailton estava com pedido de registro de candidatura indeferido e com recurso judicial em tramitação. Os votos por eles recebidos foram computados como nulos, sendo que a validade ficou condicionada a uma eventual e futura decisão de deferimento do pedido de registro da candidatura.

Em 3 de abril de 2017, por decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), tornou-se definitivo o indeferimento do registro de candidatura de Adailton de Oliveira, ao cargo de vice-prefeito. Com isso, os 2.737 votos obtidos pela chapa Claudio Rocha Barcelos/Adailton de Oliveira, computados como nulos no dia do pleito, tornaram-se definitivos, ensejando nova eleição.

Calendário do TRE-MS - Conforme estabelece o calendário, os principais eventos da Eleição Suplementar de Tacuru serão nos dias: 24 a 30 de abril (Convenções Partidárias); 04 de maio (Último dia para o registro das candidaturas); 05 de maio (Início da propaganda eleitoral); 03 de junho (Último dia da propaganda eleitoral); 04 de junho (Dia da eleição); 09 de junho (Último dia para entrega da prestação de contas); e, finalmente, 24 de junho (Último dia para a diplomação).

Veja Também

Simone comemora destinação de 30% do fundo eleitoral para mulheres
TSE define quanto cada partido receberá de fundo eleitoral
Reoneração é aprovada com erro e projeto será ajustado, diz Marun
Justiça determina prisão imediata de ex-governador de MG
Moka assume relatoria do Orçamento
Brasil é preparado para não crescer, diz Aldo Rebelo
Corrupção Mais um pacote de medidas contra a corrupção será lançado Para tentar diminuir este tipo de crime pacote será lançado em junho
Pré-candidato à presidência visita Capital nesta segunda
Mundo Este domingo, 20, é dia de Venezuelanos irem às urnas Mais de 20 milhões de pessoas dever votar no país vizinho