Campo Grande •22 de Maio de 2017  • Ano 5
OrganizaçãoIvan Paes BarbosaDiretor de RedaçãoUlysses Serra Neto

Valdelice Bonifácio | Domingo, 1 de Janeiro de 2017 - 21h01Chapa única é eleita na Câmara com apenas um voto contrárioJoão Rocha e Carlão continuam na presidência e primeira secretaria, respectivamente

  
Chapa única foi eleita na noite deste domingo na Câmara Municipal; houve apenas um voto contrário (Foto: Izaias Medeiros/Câmara Municipal)
  • Chapa única foi eleita na noite deste domingo na Câmara Municipal; houve apenas um voto contrário
  • (Foto: Janaína Gaspar/Assessoria de Imprensa)
  • (Foto: Divulgação/Câmara Municipal)

Foi eleita na noite deste domingo, 1 de janeiro, a nova Mesa Diretora da Câmara Municipal de Campo Grande para os próximos dois anos. Em chapa única foram eleitos, João Rocha (PSDB) – presidente; Carlão (PSB) - 1º secretário; Gilmar da Cruz (PRB) - 2º secretário, Papy (SD) - 3º secretário; Cazuza (PP) - 1º vice-presidente; Eduardo Romero (Rede) - 2º vice-presidente; Ademir Santana (PDT) - 3º vice-presidente.

João Rocha e Carlão já ocupavam os mesmos cargos na Legislatura passada, mas pelo acordo, foram mantidos devido à experiência parlamentar. Os dois cargos são os mais importantes da Mesa.

Por apenas um voto contrário, a eleição da chapa única não foi unânime. Vinte e oito vereadores votaram a favor da chapa e apenas um contra, Vinicius Siqueira (DEM) que, segundo informações de bastidores, chegou a cogitar concorrer à presidência, mas não conquistou apoio.

“A gente aprende que é grande quando aprende a conviver com o contraditório. Quando você aprende a conviver com entendimentos diferentes. Os diferentes também nos ajudam a crescer. Daqui emanam as regras, normas que regem nossa cidade e vão de encontro ao que o cidadão espera de nós. Nós não falamos por nós: falamos por cada cidadão que foi a urna”, discursou João Rocha.

Liderança - Na sessão deste domingo, também foi confirmado o  vereador reeleito Chiquinho Telles (PSD) como líder do prefeito Marquinhos Trad (PSD) no Poder Legislativo. A escolha do líder é pessoal do prefeito.

A sessão plenária ainda prossegue na Câmara Municipal. Os vereadores devem votar nesta noite o projeto de reforma administrativa entregue pelo prefeito Marquinhos na semana passada.

Veja Também
Crise pode atrasar reforma da Previdência, diz Meirelles
Cintra diz que nota fiscal citada em delação é verdadeira
Guias e notas emitidas pela JBS comprovam relação comercial legal, diz secretário
Vereador pede investigação sobre denuncias da JBS em MS
Temer reúne ministros e base aliada e pede que Congresso trabalhe normalmente
Delcídio frente a frente com Moro
Conselho da OAB decide entrar com pedido de impeachment de Temer
Domingo, 21 de Maio de 2017 - 07h40Pezão reúne deputados da base para discutir contrapartidas do Plano Fiscal Lei que trata da recuperação fiscal de estados e municípios foi sancionou sem vetos na última sexta-feira
PSB decide romper com base aliada do governo
Prefeitura da Capital dá início a implantação do Procon Municipal
Vídeos
Últimas Notícias  
Diário Digital no Facebook
DothNews
DothShop
Rec banner - cirurgia.net
© Copyright 2014 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
© Copyright 2017 Diário Digital. Todos os Direitos Reservados
 Plataforma Desenvolvimento