Menu
21 de junho de 2018 • Ano 7
Diretor de RedaçãoUlysses Serra Neto
Eleições 2016

Cestas básicas seriam usadas para compra de votos; dois são presos

Policiais do DOF prenderam dois por corrupção eleitoral em Porto Murtinho

2 Out2016Da redação14h39

Policiais do Departamento de Operações de Fronteira (DOF) que integram a “Operação Eleições na Fronteira 2016”, em apoio à Justiça Eleitoral,  realizaram a prisão de Milton Braz Lopes (37) e Ronaldo Souza Vera de Oliveira (25), ambos moradores da cidade de Bela Vista (MS), por corrupção eleitoral.

O fato se ocorreu na sexta-feira passada (30), após requisição da Promotoria de Justiça do município de Porto Murtinho, que recebeu a denúncia de compra de votos com cestas básicas. Logo depois, os agentes do DOF realizaram diversas buscas pela cidade, que resultou na abordagem de um caminhão baú, que estava conduzido por Milton e tinha como ajudante Ronaldo.

Durante vistoria ao veículo os policiais localizaram 45 cestas básicas que seriam, segundo a denúncia, usadas na compra de votos na periferia do município. Os autores foram interrogados pela Promotoria e pelo Juiz Eleitoral da comarca, sendo dada a voz de prisão por crime de corrupção eleitoral, art 299 do Código Eleitoral.

Foi o primeiro caso de crime eleitoral atendido pelo DOF, durante a operação que começou na quinta-feira (29) e segue até terça-feira (04). Os autores foram encaminhados para delegacia de Polícia de Porto Murtinho.

(Com informações do DOF e Governo de MS)

Veja Também

Câmara quer pressa em apreciar alterações
Reservista do serviço militar poderá atuar como policial voluntário
Biometria para deputados é implementada na Assembleia
ex-governador Cabral vira réu pela 24ª vez
Verba para UBS não sai e abre divergência política
Simone elogia retomada das obras de fábrica de fertilizantes em MS
Educação Ações podem acabar com cursos EaD na área da saúde em MS Medidas foram decididas em audiência pública da assembleia
Eleições 2018 Eleição sem dinheiro de empresários Pela 1ª vez, campanha eleitoral não terá financiamento de empresas
PF pede quebra de sigilo telefônico de Temer e ministros
Senadora de MS sugere Comissão sobre Segurança Pública